EMS Taubaté Funvic, campeão (Daniel Nunes)

Taubaté na conquista da Supercopa (Daniel Nunes)

Web Vôlei
21/04/2020
18:14
São Paulo

Por intermédio de uma nota oficial, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) confirmou não haver um campeão para a temporada 2019/2020 da Superliga.

Confira a íntegra do comunicado:

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) se pronuncia nesta terça-feira (21.04) e esclarece que não há equipe considerada campeã da Superliga Banco do Brasil masculina 2019/2020. A competição foi encerrada devido a pandemia da COVID-19, e a decisão foi tomada em reunião por videoconferência realizada na última segunda-feira, com votação dos 12 clubes participantes da edição, além da Comissão de Atletas. Na ocasião, ficou claro que o campeonato terminaria sem um campeão, respeitando apenas a classificação do momento para definição da vaga no Campeonato Sul-Americano e das equipes que iriam para a Superliga B. A votação pelo fim da competição se deu por oito votos a favor e cinco contra".

A nota ainda apresenta uma declaração de Radamés Lattari, diretor executivo da entidade:

- Fizemos uma reunião ontem onde todos os clubes participaram de forma virtual e ouviram claramente que não há um campeão na temporada 2019/2020 da Superliga. Por isso, embora tenha se denominado campeão moral, recebemos com surpresa a informação de que a equipe de Taubaté tenha se considerado campeã deste ano. Esclarecemos então, mais uma vez, que não há vencedor nesta temporada - afirmou Radamés, citando a postagem feita pelo EMS/Taubaté nas redes sociais, nesta segunda-feira, se autoproclamando bicampeão da Superliga.