Naomi Osaka

Tennis australia

Tênis News
26/03/2021
14:57
Londres

A WTA, Associação das Tenistas Profissionais, anunciou seu novo sistema de ranking, com descarte de dois anos ou correspondentes às datas dos eventos que foram jogados na temporada passada. Ao invés de 52 semanas, será de 104.

Por exemplo, Ashleigh Barty, campeã de 2019, defende nesta edição de 2021 os pontos por completo e não 50% como está funcionando no masculino.

Iga Swiatek, campeã de Roland Garros em outubro, defenderá os 2000 pontos apenas na mesma data ao invés do fim de maio/começo de junho, data que o torneio está marcado. O torneio de Indian Wells, que deve ainda ser realocado esse ano será descontado relativo à 2019 apenas quando acontecer em 2021, se acontecer.

Para os torneios realizados em 2020, será válido em 2021 a melhor pontuação e toda a melhor pontuação desses dois anos será descontado em 2022.

Esse novo sistema entra em vigor ao fim de Miami, a partir de 5 de abril.