Emma Raducanu

Foto: Elsa / AFP

TÊNIS NEWS
13/09/2021
11:05
St. Petersburg (EUA)

Campeã do US Open saindo do qualifying, feito inédito no tênis, a britânica Emma Raducanu teve uma subida meteórica no ranking divulgado nesta segunda-feira pela Associação das Tenistas Profissionais, a WTA.

Raducanu, de apenas 18 anos, subiu 127 posições indo ao 23º lugar com 2571 pontos na tabela.Ela disputou apenas seu segundo Grand Slam na carreira e com esse número já seria cabeça de chave nos próximos Majors disputados. Ela passa Johanna Konta e se torna a número 1 britânica. A tenista se tornou a primeira do país desde Virginia Wade em 1977 em Wimbledon a vencer um Slam.

A canadense Leylah Fernandez, de 19, subiu 45 postos com o vice-campeonato e foi ao 28º posto.

A líder segue sendo a australiana Ashleigh Barty com 10075 pontos contra 7720 da bielorrussa Aryna Sabalenka. Karolina Pliskova passou a japonesa Naomi Osaka e é a terceira do mundo. A asiática foi passada pela ucraniana Elina Svitolina e desceu para o quinto posto. A tcheca Barbora Krejcikova subiu dois e é a sétima do mundo. Campeã de 2019, a canadense Bianca Andreescu despencou 13 postos e é a 20ª.