Pospisil em duelo contra com compatriota Milos Raonic

USTA

TÊNIS NEWS
18/10/2020
10:53
Toronto (Canadá)

Em entrevista ao Tennis Majors, o canadense Vasek Pospisil comentou que motivo principal pela criação da PTPA é que a ATP não protege os jogadores. O tenista deu mais detalhes do objetivo da nova Associação de tenistas.

"A razão principal é que simplesmente no tênis á um problema que existe há 30 anos, e que não estamos representados como gostaríamos. Não somos uma voz unificada, não podemos influenciar nas decisões que determinam outras coisas. O problema é a estrutura da ATP. É algo que os jogadores queriam e necessitavam por 30 anos. Outros esportes têm e o tênis não. Disse a mim mesmo: OK, façamos isso. Ano passado já começamos a nos mexer com o Novak (Djokovic) e alguns jogadores. Estávamos de acordo 70 muleres do top 100 e 80 homens do top 100. O objetivo era renegociar o dinheiro de premiação dos Grand Slams, redistribuir os ganhos, canalizar qualquer êxito que tivéssemos nos torneios challengers".

Todavia, a PTPA não vem para acabar com a ATP: "O maior erro é que as pessoas pensam que este grupo é prejudicial ao esporte e para a visão da ATP está tentando obter. Pessoalmente, gosto do Massimo Calvelli e Andrea Gaudenzi. São boas pessoas, homens de princípios, competentes, inteligentes. Claro, algumas coisas poderiam ter sido feitas de maneiras diferentes, mas estamos em uma pandemia. Para ser honesto, nunca os culparia pelo ocorrido nesses últimos cinco meses."

"Nosso objetivo é chegar a 200 tenistas e teremos aumento significativo quando envolvermos as mulheres. Para nada não descuidamos delas. Apreciamos muito a WTA e todo o valor que aportam. Temos o mesmo cártel de advogados com eu e Novak Djokovic sendo os líderes. Não há razão nenhuma para que no futuro não muito longe minimizemos a importância de peso ao tênis feminino. Estamos em conversas com algumas jogadoras, como a Sloane Stephens."

"Não vejo porque não conviver junto com a ATP. Em certo sentido, a PTPA seria uma mudança ao Conselho dos Jogadores. O único que queremos é brindar proteção legal poque agora mesmo não estamos protegidos dentro da ATP. O circuito parece estar transcorrendo com normalidade, mas dentro da ATP não temos nenhuma proteção e por isso criamos essa associação".