Rafael Nadal

ATP Finals

TÊNIS NEWS
19/11/2020
21:15
Londres (Inglaterra)

Rafael Nadal, número dois do mundo, destacou sua trabalhada vitória sobre o grego Stefanos Tsitsipas, sexto colocado, que lhe deu vaga na semifinal do ATP World Finals, em Londres, na Inglaterra. Ele marcou 6/4 4/6 6/2 em pouco mais de duas horas.

"Creio que foi uma partida muito boa, com grande nível. Joguei com a intensidade correta, determinação desejada, mudando um pouco o ritmo em ocasiões. Utilizei o slice, subi na rede e joguei agressivo e em outros momentos mais defensivo. Foi um duelo que teve um pouco de tudo, variedade de tênis, o que foi bom pros dois. Isso faz com que as partidas sejam mais interessantes em comparação quando se joga igual todo o momento", disse Rafa que pega o russo Daniil Medvedev na semifinal de sábado.

"Não sei se o Daniil deste ano é um jogador completamente diferente do ano passado. Diria que ninguém é um jogador completamente diferente. Está jogando muito bem, mas não podemos esquecer que ano passado foi genial. Fez final em Washington, Canadá e US Open e ganhou Cincinnati. Depois venceu Xangai e mais torneios. É difícil enfrentar algo mais complicado. Também está jogando genial esse ano. Semi em Nova York, venceu Paris e venceu dois jogos aqui, o que o dará muita confiança. Está em grande nível, mas aqui você sabe que enfrenta os melhores do mundo. Sei que tenho que estar no meu 100% se quiser ter oportunidades e isso que vou tentar".

Nadal lembrou a final do ano passado no US Open vencida por ele no quinto set: "Foi um duelo muito parelho. Verdade que escapou para ele, com um final muito estranho onde tive sorte porque cometeu erros. Para este ano a história é diferente. Ele está muito bem, enquanto que creio que a temporada passada estava fadigado mentalmente. Está com muita confiança, necessito jogar no meu máximo nível".

Nadal buscará repetir 2010 e 2013 quando fez final no torneio com os oito melhores do ano, mas que nunca ganhou. Ele sente que está jogando seu melhor ? "Não. Também estava jogando muito bem ano passado depois do primeiro jogo. Não sei, simplesmente estou jogando bem. Me sinto muito bem, mas já tive bons torneios aqui antes. É certo que nunca anei, mas á vezes que joga-se bem e não vence. Isso é normal no esporte. Estou feliz e emocionado por estar na semifinal e com muita vontade de enfrentar o jogador que provavelmente está jogando o melhor nas últimas duas semanas. Será um grande desafio".