Andy Murray

AELTC

TÊNIS NEWS
28/06/2021
19:00
Londres (Inglaterra)

Depois de quatro anos sem jogar Wimbledon, Andy Murray marcou seu retorno nesta segunda-feira com vitória emocionante eliminando o 24º favorito, o georgiano Nikoloz Basilashvili, na primeira rodada do torneio pelo qual tem dois títulos, em 2013 e 2016.

Murray, atual 118 do mundo, marcou 3 sets a 1 com parciais de 6/4 6/3 5/7 6/2 após 3h32min de duração na quadra central do All England Club.

O britânico passou por cirurgias e lesões no quadril e ficou afastado das quadras chegando a se aposentar em dado momento e recuar meses depois.

Ele marca sua 58ª vitória em 68 partidas no Grand Slam onde quebrou um jejum de 77 anos sem títulos de tenistas locais.

Seu próximo adversário sai do jogo entre o francês Arthur Rinderknech, 109º, e o qualifier alemão Oscar Otte, 151º.

O jogo

A partida vinha tranquila para Murray dominando as ações. Ele quebrou no décimo game do primeiro set, fez 6/4, conduziu sempre a frente com quebra e fechou o segundo com nova quebra e no terceiro abriu 5 a 0 com três quebras e serviu para a vitória. Eis que o mental pesou e o nervosismo bateu. Basilashvili passou a jogar solto, veio pra cima e Andy foi se retraindo, perdeu o saque três vezes, ainda teve dois match-points no serviço do rival, não converteu e quando viu, Basilashvili fechou a terceira parcial e colocou fogo na partida.

Após pausa de 15 minutos para o fechamento do teto retrátil por conta da falta de luz natural, Andy voltou mais ligado, saiu quebrando, sofreu o empate, mas tornou a quebrar para ter 3 a 1. Teve chances de ampliar, mas o favorito foi valente, confirmou e o jogo ficou saque a saque. Murray sustentou o difícil oitavo game e no seguinte fechou quebrando e vibrando muito para delírio do público de 7,5 mil pessoas na quadra central, 50% da capacidade permitida.