Feliciano López

Feliciano López (Foto: AFP)

Tênis News
17/07/2020
08:46
Madri

O espanhol diretor do Masters e WTA Premier de Madri, Feliciano López concedeu uma entrevista ao site Essentially Sports e falou dos desafios de organizar um torneio logo após a retomada do circuito profissional. Ele entende os riscos, mas o esporte precisa retomar.



López afirmou que os organizadores do torneio mostos têm trabalhado para contar com a presença de público: "Estamos trabalhando nisso com as autoridades de Madri. Apresentamos nossos protocolos alguns dias atrás. O governo, eles ficaram muito felizes, na verdade, ficaram muito surpresos com o quão rigorosos são os nossos protocolos em termos de segurança para os fãs e principalmente para os jogadores”.



"Estamos muito confiantes de que poderemos ter alguns espectadores. Se não tivermos outra onda de COVID-19 durante julho e agosto, estamos confiantes de que podemos ter mais pessoas. Talvez possamos ter um pouco mais se a situação continuar melhorando", completou o ex-top 12.

Feliciano López ainda comentou que compreende os riscos envolvidos em organizar um torneio, mas tem a visão de que o esporte precisa voltar o mais breve possível. "Todo torneio agora precisa oferecer muita segurança, porque depois de tudo o que aconteceu na Sérvia e em alguns outros torneios. Sei que também corremos riscos quando decidimos fazer o evento ” , afirmou.

“Acho que o tênis precisa retomar. E se fizermos as coisas corretamente, se fornecermos um bom protocolo para os jogadores e fãs, acho que poderemos retomar a turnê e nós, como jogadores, teremos a chance de competir novamente e acho que é disso que precisamos agora”, finalizou.