Novak Djokovic

Djokovic em ação no US Open - USTA

Tênis News
19/01/2022
18:31
Copenhague

Em 3 de junho de 2020, o sérvio Novak Djokovic assinou a compra de 80% da empresa dinamarquesa de biotecnologia QuantBioRes S.A, que foi fundada pelo dinamarquês Ivan Loncarevic, que é o CEO da empresa, que no momento inicia testes de um tratamento para Covid-19.


Loncarevic concedeu uma entrevista à agência de notícias Reuters e falou que a empresa está trabalhando no desenvolvimento de um tratamento para inibir a forma como o coronavírus SARSCov2, responsável pela Covid-19, infecta as células humanas.

O peptídeo para atuar no organismo está sendo desenvolvido por "dezenas de pesquisadores" de Dinamarca, Austrália e Eslováquia. Os estudos lançarão testes em humanos já no meio deste ano no Reino Unido, de acordo com o CEO.

Loncarevic tem falado que ,o agora chefe, Novak Djokovic não é "antivacina" e é "uma ótima pessoa". Fundador da QuantBioRes, Loncarevic não disse o valor aportado pelo tenista na empresa, mas esclareceu que Djokovic tem 40,8% da empresa, enquanto sua esposa, Jelena Ristic Djokovic é dona de 39,2%.

Tanto Djokovic quanto Jelena constam na lista de diretores da empresa, no cadastro das empresas da Dinamarca. De acordo com o mesmo cadastro, até 31 de dezembro de 2021, a QuantBioRes acumulou um lucro de 1 milhão de coroas dinamarquesas, cerca de R$ 916.968,00.