Novak Djokovic

AELTC

TÊNIS NEWS
30/06/2021
11:42
Londres (Inglaterra)

Depois de uma primeira rodada com sustos em Wimbledon, Novak Djokovic conseguiu sua classificação para a terceira fase nesta quarta-feira de forma dominante sobre o ex-top 5 e atual 102º, o sul-africano Kevin Anderson.

O número 1 do mundo precisou de 1h40min para marcar 3 sets a 0 com um triplo 6/3 na quadra central do All England Club.

O jogo foi a reedição da final de 2018 onde o sérvio venceu em sets diretos. Foi o terceiro encontro entre eles na grama sagrada. Em 2015, Anderson, ainda não muito conhecido, levou o sérvio ao quinto set. Foi o 12º jogo entre eles e Nole soma a 10ª vitória.

Djokovic emplaca sua 312ª vitória em Grand Slams, a 16ª seguida onde busca o terceiro Slam seguido e sonha ser o primeiro a vencer os quatro Majors em um mesmo ano desde Rod Laver em 1969. Ele emplaca a 97ª vitória na grama na carreira e 74ª em Wimbledon onde soma cinco títulos.

Seu próximo adversário será o veterano italiano Andreas Seppi ou o qualifier americano Denis Kudla, 114º. Contra o americano o retrospecto é de 2 a 0. Diante do italiano são 12 vitórias de Djoko.

O jogo

Djokovic teve vários escorregões ao longo do jogo, se irritou no começo, mas depois se acalmou quando conseguiu a primeira quebra no oitavo game após passada de backhand. Ele fechou por 6/3 cometendo apenas dois erros não-forçados.

No segundo set foram duas quebras seguidas no sétimo e nono games e a repetição do placar, sem nenhum erro de forehand e backhand do número 1.

No terceiro set, Djokovic dominou no saque , seguiu sem dar chances e conseguiu a única quebra no oitavo game, vibrando muito. Com muito apetite ele definiu sem vacilar na segunda oportunidade.