Craig Tiley

Redes Sociais

TÊNIS NEWS
24/03/2020
14:52
Melbourne (Austrália)

Craig Tiley, presidente da Tennis Australia e diretor do Australian Open, concedeu entrevista ao podcast The First Serve, e comentou que o tênis deve passar por novas mudanças no calendário quando o circuito de normalizar após a pandemia do coronavírus.

Tiley comentou sobre a decisão de Roland Garros em adiar o torneio de forma unilateral para o fim de setembro: "O que aconteceu foi muito surpreendente já que nunca antes ocorreu algo assim. Não pertenço a Federação Francesa de Tênis assim que não posso opinar diante da decisão que tomaram pelo bem-estar de seu torneio. Apesar de não estar em acordo com as formas, creio que todos chegaremos a um acordo e tudo ficará bem. Apesar de coincidir as datas, a Laver Cup está planejada. Não houve comunicação por parte de ambos torneios e creio que cedo ou tarde deverão sentar para conversar pelo bem do tênis já que são torneios que atraem muitos espectadores".

"Estamos vivendo um autêntico pesadelo. Nesses momentos tão complicados por conta da pandemia do coronavírus creio que todos devemos nos ajudar e apoiamos mutuamente. Estamos convencidos que este tipo de discrepância se resolverão no futuro quando voltamos a normalidade. Creio que o calendário voltará a sofrer mudanças diante da decisão de Roland Garros".

Tiley comentou também que todos os Majors deveriam se reunir para discutir mudanças: "Pelo bem do esporte deveríamos nos reunir para tomar algumas decisões. Todos devem renunciar algo. Atualmente ainda não nos concentramos no apertado que está o calendário, só pensamos em nossos 4000 treinadores e todo o pessoal que ganha a vida neste esporte e que atualmente não está tendo entrada pela parada da atividade tenística. Os torneios dos Grand Slams se encontram entre os eventos esportivos mais vistos do mundo e entre todos chegaram a um acordo pelas datas. O primordial nesse momento é superar essa pandemia que tanto afeta o mundo".