Treino da Seleção Brasileira - Tite

Lucas Figueiredo/CBF

Fabio Chiorino e Rodrigo Borges
12/10/2018
08:32
São Paulo (SP)

Tite elogiou ontem a seleção da Arábia Saudita. Se esta afirmação causou em você total indiferença, acredite: provavelmente milhões de pessoas estão no mesmo barco. No terceiro amistoso sem importância alguma depois da Copa do Mundo, a Seleção Brasileira enfrentará os sauditas às 14h45 de hoje. Daqui a quatro dias, na terça-feira, a adversária será a Argentina, também na Arábia Saudita. Uma rival histórica que ainda está se acertando depois do fracasso na Copa e está sob o comando de um técnico interino, Lionel Scaloni. Por mais que Tite diga que testes importantes são feitos nestes jogos (afinal, o que mais ele poderia dizer?), é difícil encontrar algo possa ser realmente avaliado em rivais fracos ou em situação fragilizada, como é o caso argentino. Por outro lado, o Campeonato Brasileiro segue em andamento a dez rodadas do fim, dividindo a pouca atenção que a Seleção poderia ter caso não houvesse rodada no fim de semana. Ainda mais quando estão previstos dois jogos fundamentais para a disputa do título: Palmeiras x Grêmio e Internacional x São Paulo, ambos às 16h de domingo. Colocando estes jogos sem importância sempre longe de casa e competindo com seu principal campeonato, a CBF, pela enésima vez, deixa claro: não quer torcida para a Seleção, que serve apenas para encher seus cofres com aparições pelo mundo afora.

Quer ler mais opinião e informação todos os dias? O LANCE! Espresso é uma newsletter gratuita que chega de manhã ao seu e-mail, de segunda a sexta. É uma leitura rápida e saborosa como aquele cafezinho de todos os dias, que vai colocar você por dentro das principais notícias do esporte. A marca registrada do jornalismo do LANCE!, com análises e contextualização de Fabio Chiorino e Rodrigo Borges. Clique aqui e inscreva-se.