Diego Pituca

Diego Pituca foi um dos melhores em campo nesta segunda-feira (Foto: Ivan Storti/Santos)

LANCE!
08/04/2019
23:43
São Paulo (SP)

Contra o Corinthians, na segunda semifinal do Paulistão, o Santos teve 68% de posse de bola, deu 473 passes e efetuou 23 finalizações (contra três do rival). Os números não mentem: apesar da vitória magra, por 1 a 0, a derrota nos pênaltis e a perda da vaga na decisão do Paulista, o Santos dominou o Corinthians por completo nesta segunda-feira, no Pacaembu. Após a partida, o volante Pituca, um dos melhores em campo, criticou a postura do rival durante o tempo regulamentar. 

– O Corinthians não veio para jogar futebol, veio para se defender. Ficou com os 11 jogadores atrás. Só o Santos jogou. Agora é levantar a cabeça, nem sempre o melhor vence – disse o camisa 21. 

No intervalo da partida, em entrevista ao canal Premiere, o meia já havia apontado em tom de crítica para o estilo de jogo do Corinthians no primeiro tempo:

 - O Corinthians só veio no intuito disso, para ficar la atrás e ficar no contra-ataque. É só ter paciência e conseguir o gol. Nós sabemos que ele só ficam lá atrás e só jogam no chutão. Agora é encaixar.

Escalado pelo lado esquerdo, o versátil jogador foi um dos principais articuladores do Santos nesta segunda-feira. Pituca e seus companheiros voltam a campo nesta quinta-feira, às 21h30, contra o Atlético-GO, pela terceira fase Copa do Brasil. Para não depender novamente dos pênaltis para avançar, o Alvinegro Praiano precisa vencer por dois ou mais gol de diferença no Pacaembu.