Marino Hinestroza base Palmeiras

Marino faz gesto de arma na comemoração diante do Presidente Médici (Foto: Fabio Menotti/Palmeiras)

LANCE!/NOSSO PALESTRA
02/06/2021
17:30
São Paulo (SP)

O atacante colombiano Marino Hinestroza, de 18 anos, é um dos principais destaques da categoria sub-20 do Palmeiras. O jogador já marcou três vezes na temporada 2021, além de mais duas assistências, o que o coroou como o atleta com mais participações em gols na temporada – uma a cada 63 minutos.

>> Copa América no Brasil: veja quais estados aceitaram o evento e quais negaram jogos
>> Confira a tabela do Brasileirão 2021 e faça sua simulação

No entanto, além das boas atuações, o jogador também chama atenção na comemoração de seus tentos. Marino celebra fazendo gestos de armas com as mãos apontadas para as câmeras de imagem e vídeo. O atleta disse que o sinal é ‘uma mensagem aos meninos’.

– Cresci com 20 amigos na minha favela. 1 morreu, mais ou menos 7 estão na prisão, 4 têm um emprego decente e, entre os demais que jogavam futebol naquela época, 5 eram melhores que eu! Agora sou o único que joga futebol, alguns estão na prisão, outros estão atirando na rua. Minha mensagem é para os meninos que cresceram com a ideia de ter uma arma nas mãos, é que eles podem "ter" (simular) uma arma e atirar nas câmeras, que em campo é totalmente legal.

No duelo diante do Presidente Médici, do Maranhão, pela Copa do Brasil Sub-20, o jovem foi criticado pela transmissão do SporTV após a comemoração. Segundo os comentaristas da partida, o gestual era inapropriado e deveria ser mudado pela atacante.

Ainda na mensagem publicada no seu Instagram, o jovem escreveu no rodapé da imagem:

– Mas aparentemente para o @sportv parecia ilegal.

Marino Hinestroza texto
(Foto: Reprodução/Instagram)

Essa não foi a primeira oportunidade na qual o atleta se manifestou publicamente acerca de assuntos fora de campo. Após marcar diante do Náutico, pela Copa do Brasil, o atacante comemorou com uma camisa em apoio aos protestos do povo colombiano contra a Reforma Tributária do país. Em seu Instagram, publicou os dizeres ‘eu sou América Latina, um povo sem pernas, mas que anda’, além de um story ao lado da blusa com a hashtag #AguanteLaPrimeraLinea.