Andressa - Brasil

'Somos um grupo fechado, a gente vem forte', disse Andressa Alves (Foto: Divulgação/CBF)

LANCE!
27/07/2021
11:22
Saitama (JAP)

A meia-atacante Andressa Alves reconheceu que a Seleção feminina lidou com percalços para garantir a vitória por 1 a 0 sobre Zâmbia, nesta terça-feira, em seu último jogo no Grupo F dos Jogos Olímpicos. Na saída do gramado do Saitama Stadium, a camisa 21 exaltou a evolução da equipe zambiana na competição, mas não omitiu as oscilações que a equipe de Pia Sundhage teve em campo.

- Acredito que a Zâmbia melhorou nesses dois jogos e hoje deu pra mostrar que elas lutaram do começo ao fim. Mas, claro que a gente errou bastante e as ocasiões que tivemos não finalizamos em gol. Isso também conta - afirmou, ao SporTV.

Em seguida, Andressa disse que a equipe terá de fazer uma preparação forte antes do confronto com o Canadá, nas quartas de final do torneio: 

- Agora é descansar e estudar o que fizemos de ruim e de bom, porque não podemos errar nas quartas.

A jogadora de 28 anos falou sobre ter ido bem na sua primeira oportunidade como titular na Olimpíada.

- Estou me preparando. A chance apareceu, graças a Deus estou feliz,. Sou a segunda (jogadora brasileira) a fazer gol de falta em Olimpíada - e, em seguida, citou sua esposa, a ex-jogadora Francielle, que marcou no 5 a 0 sobre Camarões, quando o Brasil foi prata em Pequim-2008:

- A primeira é minha esposa, Fran, "roubei" o gol dela - completou.

Além disto, a camisa 21 ressaltou a força das Guerreiras.

- Todo mundo é importante, cada jogo conta, somos um grupo fechado e a gente vem forte - declarou.

O Brasil volta a campo na sexta-feira, às 5h (de Brasília).