Zaracho abriu o caminho para o triunfo alvinegro em cima do Fortaleza

Zaracho tem três gols no Campeonato Brasileiro (Pedro Souza/Atlético-MG)

André Garone
13/09/2021
09:42
Rio de Janeiro (RJ)

A presença de jogadores estrangeiros no futebol brasileiro tem sido cada vez mais comum. Em 2020, por exemplo, o Brasileirão contou com 77 atletas nascidos fora do país - isso sem somar nos treinadores e integrantes das comissões técnicas. Um recorde na história do campeonato.

Nesta temporada, o número não fica muito distante. Em 20 rodadas realizadas até o momento - Sport e Internacional completam nesta segunda-feira -, 68 estrangeiros já entraram em campo. E o mais importante: marcaram mais de 10% dos gols da competição até agora. São 43 bolas na rede de um total de 426 (10,09%). No ano passado, foram 84 de 944 (8,89%).

Melhor para o Atlético Mineiro, líder do campeonato. O Galo tem investido em jogadores de fora desde o ano passado, quando contratou o equatoriano Alan Franco, o paraguaio Junior Alonso, o colombiano Dylan Borrero, o chileno Vargas, o venezuelano Savarino e o argentino Matías Zaracho, que ganhou a companhia do seu compatriota Nacho Fernandez, em 2021. Eles são responsáveis por 10 dos 29 tentos anotados pela equipe neste Brasileiro (34,48%). É o time que mais contou com a 'ajuda' estrangeira até o momento.

Quem também tem usufruído bem do talento estrangeiro é o Fluminense. O Tricolor Carioca, atual 7º colocado na competição, conta com quatro atletas nascidos no exterior: o uruguaio Aber Hernández, o equatoriano Cazares, o colombiano Jhon Arias e o argentino Raúl Bobadilla. Todos já estufaram as redes no campeonato, totalizando cinco gols - Bobadilla fez dois.

Individualmente o destaque fica por conta do colombiano Hugo Rodallega. O centroavante do Bahia estreou como titular no início de setembro, marcando quatro vezes na goleada por 4 a 2 sobre o Fortaleza. Junto de Savarino, do Atlético Mineiro, e Terans, do Athletico Paranaense, ele lidera o ranking de goleadores estrangeiros do Brasileirão.

ARTILHEIROS ESTRANGEIROS DO BRASILEIRÃO 2021

1º - Rodallega - colombiano - Bahia - 4 gols
Terans - uruguaio - Athletico-PR - 4 gols
​Savarino - venezuelano - Atlético-MG - 4 gols
4º - Sanchez - uruguaio - Santos - 3 gols
Nacho Fernandez - argentino - Atlético-MG - 3 gols
Zaracho - argentino - Atlético-MG - 3 gols

TIMES COM MAIS 'GOLS ESTRANGEIROS' NO BRASILEIRÃO 2021

1º - Atlético-MG - 10 gols
2º - Fluminense - 5 gols
3º - Bahia - 4 gols
Athletico-PR - 4 gols
Grêmio - 4 gols
São Paulo - 4 gols