Bolívar x Palmeiras - Disputa

Gustavo Gómez foi um dos destaques do Palmeiras (Foto: AFP)

André Schmidt
17/09/2020
06:15

Quarenta e um. Esse foi o total de bolas levantadas na área do Palmeiras pela equipe do Bolívar, nessa quarta-feira. Praticamente a única arma dos bolivianos na tentativa de vencer os brasileiros na altitude. É bem verdade que o gol único dos donos da casa, anotado por Riquelme, nasceu dessa forma. No entanto, no geral, a defesa alviverde se portou bem, segurando o 2 a 1.

Dos 41 cruzamentos tentados pelo Bolívar, apenas nove (22%) foram completados. A grande maioria dos duelos aéreos foram vencidos pela dupla Gustavo Gómez e Luan. O paraguaio levou a melhor em quatro das quatro disputas, enquanto que o brasileiro ganhou três de quatro, segundo dados do Sofascore. Os dois ainda somaram 21 cortes defensivos, sendo 11 de Gómes e 10 de Luan. Gustavo agora é o 5º jogador da competição com mais cortes (17).

Outro que foi importante defensivamente foi Matias Viña. Discreto no apoio, o lateral-esquerdo esteve seguro na marcação, terminando a partida com quatro desarmes, quatro interceptações, dois cortes defensivos, um chute bloqueado e apenas um drible sofrido. O uruguaio, inclusive, se tornou o 3º maior ladrão de bolas dessa Libertadores, com 14 desarmes efetuados.

NÚMEROS DE DESTAQUE NO JOGO:
- Dados do Sofascore

Gustavo Gómez:
100% de duelos vencidos no chão (4/4)
100% de duelos vencidos no alto (4/4)
11 cortes

Luan:
75% de duelos vencidos no alto (3/4)
50% de duelos vencidos no chão (2/4)
10 cortes
2 desarmes
2 chutes travados

Matias Viña:
4 desarmes
4 interceptações
2 cortes
1 chute travado