Diogo Lavinge derrotou Luciano Andrade em uma superluta do Brasileiro Master da CBJJD (Foto: Flash Sport)

Diogo Lavinge derrotou Luciano Andrade em uma superluta do Brasileiro Master da CBJJD (Foto: Flash Sport)

TATAME
16/09/2019
19:58
Rio de Janeiro (RJ)

O fim de semana foi de muito Jiu-Jitsu no Clube Municipal, na Zona Norte do Rio. No sábado (14) foi realizado o Rio Premium – do kids ao adulto -, enquanto no domingo (15) aconteceram as disputas do Brasileiro Master (Gi e No-Gi). Os dois eventos proporcionaram grandes embates nas categorias visando as passagens internacionais do ranking, além das tradicionais superlutas.

No quadro de medalhas por equipes, o Sesi Cidadania faturou o título nas disputas do kids ao juvenil. O time colecionou 49 medalhas, sendo 28 de ouro. Já nas disputas No-Gi do Brasileiro Master, a campeã foi a RFT.

Já no adulto e master, a escola campeã do fim de semana foi a Top Brother. À TATAME, Cezar Guimarães, o Casquinha, comentou o resultado: - Tenho muitas filiais e tenho muitos amigos. O evento veio em um momento especial, não era prioridade, porém por motivos particulares, pedi para que meus professores colocassem alguns atleta e tive ajuda de amigos que estão somando conosco. Não demonstramos nossa força, mas através da sincronia, conseguimos mobilizar alguns dos nossos atletas de ponta para prestigiar (o evento). Muitos foram campeões da categoria e absoluto. Certamente para as próximas etapas, entraremos mais forte para prestigiar a CBJJD - concluiu.

Destaque do Rio Premium

No sábado, o Rio Premium acirrou as disputas pelas passagens para competições internacionais da AJP (antiga UAEJJF). O grande destaque na faixa-preta foi Jhonatan Costa (Associação André Bastos), que levou o título no absoluto. Já nas superlutas, Jonathan França (Pitbull) e Rodrigo Lopes (Soul Fighters) venceram seus compromissos na faixa-preta. Já na azul, Lucas Dias (Infight) derrotou Juan Gomes (Geração UPP), enquanto Rebeca Ferreira (GFTeam) derrotou Joice Silva (TFT) pela faixa-roxa.

O evento ainda teve as tradicionais ações do Festival Kids, comandadas pelo professor Maurício Abreu.

Brasileiro Master pega fogo

A segunda edição do Brasileiro Master serviu, mais uma vez, como preparatório para o Pan America Master Games, que vai acontecer em 2020, no Rio de Janeiro. O evento, chancelado pelo CBEM (Comitê Brasileiro de Esportes Master), contou ainda pontos para o ranking exclusivo que a CBJJD criou para a categoria. O campeão vai ganhar uma passagem para o Mundial Master, em Las Vegas (EUA), no próximo ano. Nas disputas das divisões na faixa-preta, Thiago Celestino (Top Brother) foi ouro duplo no master 1, assim como Daniel Felix (Infight), que brilhou no master 2.

Ao todo foram 11 superlutas que movimentaram o público no Municipal. Um dos principais momentos foi o triunfo do faixa-preta Diogo Lavinge, que tem Síndrome de Down, sobre o comentarista Luciano Andrade, que também faixa-preta. Em um dos melhores combates, Jayan Castro (GFTeam), que assumiu o lugar do companheiro Gabriel Marinho, fez uma luta dura com Romeu Patrick (Soul Fighters) e saiu com o resultado positivo.

Em um outro grande duelo, decidido por pontos, Anderson Fumaça (Game Fight) superou Richard Flood (GFTeam). No único duelo No-Gi, Fabrício Araújo (Rio BJJ) venceu André Chatuba (RFT) por desclassificação. Outros nomes também que brilharam e saíram vitoriosos das superlutas foram: Felipe Cobra, Leandro Simas, Vinicius Alves, Serginho Miranda, Lênio Fortunato, Thiago Cidro e Wagner Barbosa.

Confira abaixo todos os resultados das superlutas:

Rio Premium


Jonathan França (Pitbull) derrotou Walter Silva (Rio BJJ)
Rodrigo Lopes (Soul Fighters) derrotou Cleiton Nascimento (HBT JJ)
Lucas Dias (Infight) derrotou Juan Gomes (Geração UPP)
Rebeca Ferreira (GFTeam) derrotou Joice Silva (TFT)

Brasileiro Master

Felipe Cobra (Nova Geração) derrotou Marcos Vasconcelos (Soul Fighters)
Leandro Simas (Pitbull) derrotou Wagner Basílio (Fábio Florêncio)
Vinícius Alves (TFT) derrotou Maurício Abreu Equipe Gavazza)
Serginho Mirada (GFTeam) derrotou Luciano Santana (Nova Geração)
Lenio Fortunato (TFT) derrotou Philipe Lira (Pitbull)
Jayan Castro (GFTeam) derrotou Romeu Patrick (Soul Fighters)
Fabrício Araújo (Rio BJJ) derrotou André Chatuba (RFT)
Anderson Fumaça (Game Fight) derrotou Richard Flood (GFTeam)
Diogo Lavigne (Equipe Gavazza) derrotou Luciano Andrade (Nova União)
Thiago Cidro (GFTeam) derrotou Thiago Marciano (Top Brother)
Wagner Barbosa (Infight) derrotou Carlos Galvão (Game Fight)