Ketlen Vieira derrotou Holly Holm na luta principal do UFC Vegas 55 (Foto: Reprodução)

Ketlen Vieira derrotou Holly Holm na luta principal do UFC Vegas 55 (Foto: Reprodução)

TATAME
21/05/2022
23:47
Las Vegas (EUA)

Na noite deste sábado (21), nas instalações do Ultimate em Las Vegas (EUA), foi disputado o UFC Vegas 55. Na luta principal, Ketlen Vieira encarou uma parada duríssima contra Holly Holm, que fugiu da trocação da brasileira, trabalhou no clinch, mas não teve jeito. A atleta da Nova União venceu por decisão dividida, o que gerou reclamações nas redes sociais quanto ao resultado. No co-main event, Michel Pereira venceu uma “guerra” de três rounds contra Santiago Ponzinibbio, engatou a quinta vitória seguida no peso-meio-médio e vai entrar no ranking da categoria.

No show do UFC Vegas 55, Tabatha Ricci venceu o duelo verde-e-amarelo contra Polyana Viana. No card preliminar, Jailton Malhadinho teve uma atuação de gala no peso-pesado, enquanto Felipe Cabocão saiu derrotado em sua estreia nos penas.

Ketlen vence em fim polêmico

Após trocar alguns golpes, Ketlen Vieira tentou usar o grappling, mas não teve sucesso para derrubar Holly Holm. A americana, por sinal, trabalhou quase o round todo pressionando a brasileira no clinch na grade e foi colocando os seus golpes. No segundo assalto, a lutadora da Nova União conseguiu a queda, mas a ex-campeã se levantou, no entanto, deixou o pescoço e Ketlen quase finalizou.

Holm foi impondo o seu jogo de pressão na grade, agarrando e trabalhando no clinch no terceiro round. Já no quarto assalto do combate principal do UFC Vegas 55, Ketlen manteve a luta mais no centro do octógono e foi aplicando bons golpes. A americana, no entanto, conquistou um knockdown e brecou o crescimento da manauara.

No quinto round, Holm aplicou três bons chutes e foi controlando o combate. No intervalo para o último assalto, Dedé Pederneiras, técnico da “Fenômeno”, disse que estava 3 a 1 para a estadunidense e que Ketlen precisava de um nocaute ou finalização para vencer. A manauara, então, soltou mais golpes. No fim, por decisão dividida, a brasileira ficou com a vitória se aproxima da disputa de cinturão nos galos. Vieira se emocionou bastante e foi às lágrimas. O resultado final gerou certa surpresa e Holly ficou indignada com a desfecho do combate. No cage, a veterana de 40 anos afirmou que venceu a luta.

Michel vence ‘guerra’ Ponzinibbio


O co-main event do UFC Vegas 55 foi eletrizante. No primeiro round, Michel Pereira entrou mais forte no confronto, com seu estilo nada ortodoxo e foi aplicando os melhores golpes. Já no segundo assalto, o “Paraense Voador” começou melhor e foi assim por boa parte do tempo, mas Santiago Ponzinibbio andou mais para frente e cresceu na luta. O combate passou a ser disputado mais no infight.

Já no terceiro e decisivo round, os dois lutadores apresentaram um desgaste físico, mas entregaram um duelo insano. Pereira e Ponzinibbio ficaram disputando golpe a golpe, com trocação quase que franca no centro do octógono. No fim, o brasileiro ficou com a vitória por decisão dividida e chegou ao quinto triunfo nos meio-médios. Já o “Argentino Gente Boa” conhece a terceira derrota em quatro lutas.

Tabatha supera Polyana

O primeiro round do duelo de brasileiras no UFC Vegas 55 foi marcado por uma agressividade maior de Polyana Viana. A paraense tentou atacar o braço e buscou algumas finalizações. Já no segundo assalto, Tabatha Ricci voltou mais incisiva e conquistou boas quedas diante da compatriota, que tentava responder com chutes e combinações de golpes.

Já no último assalto, a “Baby Shark” manteve a tática de derrubar, enquanto Polyana tentava trabalhar algumas posições no grappling. No fim, Tabatha ficou com o triunfo por decisão unânime e engata a segunda vitória seguida nos palhas. Já a “Dama de Ferro” tem a série de dois triunfos interrompida.

Malhadinho finaliza e embala

Com uma atuação de gala no card preliminar do UFC Vegas 55, Jailton Malhadinho não tomou conhecimento de Parker Porter. Após trabalhar o ground and pound na grade, o brasileiro finalizou o americano ainda no primeiro round com um mata-leão. Meio-pesado de origem, Jailton atuou como peso-pesado, com 18kg a menos que o adversário, e conquistou a segunda vitória dentro do Ultimate.

Cabocão é derrotado nos penas

Logo no primeiro round, Chase Hooper foi impondo o seu jogo de grappling no combate. Felipe Cabocão tentava resistir e contra-atacar. O panorama seguiu no segundo assalto, onde o brasileiro também teve bons momentos. Já no último round, após chegar próximo da finalização, “The Dream” foi golpeando o brasileiro até o árbitro Mark Smith interromper e decretar o nocaute técnico no UFC Vegas 55.

Hooper volta a triunfar na organização, enquanto o brasileiro registra o segundo revés seguido dentro da companhia. Esse embate no UFC Vegas 55 foi a estreia de Cabocão no peso-pena.

CONFIRA OS RESULTADOS:

UFC Vegas 55
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 21 de maio de 2022

Card principal

Ketlen Vieira derrotou Holly Holm por decisão dividida dos jurados
Michel Pereira derrotou Santiago Ponzinibbio por decisão dividida dos jurados
Chidi Njokuani derrotou Dusko Todorovic por nocaute técnico no 1R
Tabatha Ricci derrotou Polyana Viana por decisão unânime dos jurados
Jun Yong Park derrotou Eryk Anders por decisão dividida dos jurados

Card preliminar
Joseph Holmes finalizou Alen Amedovski com um mata-leão no 1R
Jailton Malhadinho finalizou Parker Porter com um mata-leão no 1R
Uros Medic derrotou Omar Morales por nocaute técnico no 2R
Jonathan Martinez derrotou Vince Morales por decisão unânime dos jurados
Chase Hooper derrotou Felipe Cabocão por nocaute técnico no 3R
Sam Hughes derrotou Elise Reed por nocaute técnico no 3R