(Foto: Divulgação)

Do Bronx finalizou Justin Gaethje ainda no primeiro round na luta principal do UFC 274 (Foto: Reprodução/UFC)

TATAME
08/05/2022
05:15
Phoenix (EUA)

Sem cintutão, mas ainda assim memorável. Fazendo a luta principal do UFC 274, neste sábado (7), em Phoenix (EUA), Charles do Bronx levou o torcedor brasileiro ao delírio ao derrotar Justin Gaethje por finalização ainda no primeiro round. Com o resultado, mesmo vencendo, o brasileiro fica sem o cinturão peso-leve do Ultimate, pelo fato de não ter batido o peso na última sexta-feira (6). No entanto, Do Bronx mostrou que está pronto para reconquistar o título dentro do octógono, contra quem for.

Na luta co-principal da noite no UFC 274, em um combate extremamente monótono e sem emoções, Carla Esparza se tornou a nova campeã peso-palha do Ultimate ao derrotar Rose Namajunas na decisão dividida dos jurados.

Outro grande destaque do card principal do UFC 274 foi Michael Chandler. O americano chocou o mundo do MMA ao aplicar um nocaute impressionante sobre Tony Ferguson no segundo round. O brasileiro Maurício Shogun também entrou em ação, mas em uma luta bem travada, acabou sendo superado por Ovince St-Preux na decisão dividida dos jurados.

Em luta marcante, Do Bronx finaliza Justin Gaethje

Charles do Bronx e Justin Gaethje foram para a trocação franca logo no início da luta principal do UFC 274. Impecável em seus golpes, o americano levou o brasileiro a knockdown duas vezes em sequência, com fortes golpes de direita. Na sequência, Charles reagiu e balançou Justin com um cruzado. A partir disso, veio a recuperação e uma vitória memorável do brasileiro.

Sem se intimidar, Charles do Bronx partiu para cima, aplicou um forte golpe de direita, que derrubou Justin Gaethje. Na sequência, já no solo, o faixa-preta de Jiu-Jitsu chamou para a sua principal especialidade, conseguiu uma bela transição para as costas e, esbanjando técnica, aplicou um justo mata-leão, que forçou os três tapinhas do americano.

Por não ter batido o peso na última sexta-feira (6), antes do UFC 274, Charles do Bronx ficou sem o cinturão peso-leve do UFC. No entanto, por ter vencido a luta, o brasileiro agora é o desafiante número 1 ao título dos leves, e disputará o cinturão – agora vago – contra um adversário que o Ultimate ainda vai definir. Todavia, Do Bronx já se antecipou e deixou claro que pretende enfrentar Conor McGregor nessa disputa de título.

Carla Esparza vence Namajunas e é a nova campeã peso-palha

Rose Namajunas e Carla Esparza iniciaram o co-main event do UFC 274 de forma mais cautelosa e pouco produziram no primeiro round, o que pegou o público de surpresa. No segundo assalto, Esparza tentou derrubar a campeã, que não deu brechas e se defendeu bem. No entanto, o confronto seguiu sem nenhum acontecimento, o que foi irritando os torcedores presentes na arena. A terceira parcial teve novamente Carla tentando derrubar Namajunas, mais uma vez sem sucesso. Rose aplicou alguns poucos golpes em resposta na média distância, mas o confronto continuou bem monótono.

No quarto round, Carla Esparza grudou nas costas, tentando estabilizar a posição para buscar uma finalização, mas Rose Namanujas soube se livrar bem da investida. A desafiante ainda tentou uma nova investida na luta agarrada, mas Rose evitou o contato e devolveu com um cruzado de direita. No quinto e último assalto, as duas atletas seguiram golpeando pouco, o que gerou muitas vaias dos torcedores. No fim, após um duelo sem emoções, o momento de maior comoção veio através de Bruce Buffer, que declarou Carla Esparza como nova campeã peso-palha do UFC em vitória por decisão dividida dos jurados.

Michael Chandler nocauteia Tony Ferguson de forma espetacular

Um dos confrontos mais aguardados do UFC 274, Tony Ferguson x Michael Chandler começou de forma eletrizante, com Ferguson balançando Chandler com um bom golpe de direita. Michael respondeu com uma bela queda, cravando o adversário contra o solo. A partir disso, “Mike” conectou bons golpes no ground and pound, onde se manteve até o final do primeiro round.

No segundo assalto, veio a vitória de Michael Chandler de uma forma impressionante. O ex-campeão peso-leve do Bellator acertou um chute frontal espetacular, à lá Anderson Silva e Lyoto Machida, que pegou em cheio no queixo de Tony Ferguson, que já caiu desacordado, forçando a interrupção imediata do árbitro central. Com o resultado no UFC 274, Chandler se recupera das derrotas para Charles do Bronx e Justin Gaethje, e volta a vencer no Ultimate.

Em luta morna, Shogun é superado por St-Preux

Primeiro brasileiro em ação no card principal do UFC 274, Maurício Shogun teve um início cauteloso, tendo em vista que Ovince St-Preux era bem maior e mais forte. Em um primeiro round morno, o curitibano foi superior pelo volume de golpes. No segundo round, Shogun passou a apostar mais nos chutes baixos de direita, enquanto St-Preux tinha dificuldades para entrar no raio de ação do brasileiro, mas arriscou uma boa joelhada nos últimos segundos da parcial.

Ovince St-Preux iniciou o terceiro e último round pressionando Maurício Shogun contra a grade, tentando a queda, mas o brasileiro defendeu com sucesso a investida do seu adversário. Com o confronto na trocação novamente, Shogun passou a circular mais no octógono e voltou a apostar nos chutes baixos, além dos golpes na média distância. No fim, após três rounds de uma luta sem emoções, e que terminou sob vaias do público, St-Preux foi declarado vitorioso na decisão dividida dos jurados e voltou a derrotar o brasileiro, o que já tinha acontecido em 2014.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC 274
Phoenix, no Arizona (EUA)
Sábado, 07 de maio de 2022

Card principal
Charles do Bronx finalizou Justin Gaethje com um mata-leão no 1R
Carla Esparza derrotou Rose Namajunas por decisão dividida dos jurados
Michael Chandler derrotou Tony Ferguson por nocaute no 2R
Ovince St-Preux derrotou Maurício Shogun por decisão dividida dos jurados
Randy Brown derrotou Khaos Williams por decisão dividida dos jurados

Card preliminar
Macy Chiasson derrotou Norma Dumont por decisão dividida dos jurados
Francisco Massaranduba derrotou Danny Roberts por decisão unânime dos jurados
Brandon Royval finalizou Matt Schnell com uma guilhotina no 1R
Blagoy Ivanov derrotou Marcos Pezão por decisão unânime dos jurados
André Fialho derrotou Cameron VanCamp por nocaute técnico no 1R
Tracy Cortez derrotou Melissa Gatto por decisão unânime dos jurados
CJ Vergara derrotou Kleydson Rodrigues por decisão dividida dos jurados
Lupita Godinez derrotou Ariane Sorriso por decisão unânime dos jurados
Journey Newson derrotou Fernie Garcia por decisão unânime dos jurados