Renato Gaúcho - Flamengo

Renato pode ser bicampeão da Libertadores (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

LANCE!
27/11/2021
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Quando era jogador, Renato Gaúcho já era conhecido por sua personalidade marcante. E acredite, ele não mudou. Aos 59 anos, o treinador do Flamengo, finalista da Libertadores 2021 contra o Palmeiras, coleciona declarações autênticas e que, muitas vezes, são consideradas soberbas dentro do mundo da bola. 

Em 2008, iniciando a trajetória como técnico de futebol, Renato já demonstrava a "marra de jogador". Assim como em 2021, ele era finalista da Libertadores, mas pelo Fluminense. Na época, Portaluppi já cutucava equipes rivais, atentando-as para aproveitarem o foco tricolor na principal competição sul-americana e dispararem na classificação do Brasileirão.

+ Relembre a trajetória do Flamengo até a final da Libertadores 2021!

- A chance dessas equipes é dispararem agora. E não estão disparando tanto assim não. Daqui a pouco o Fluminense vem com força total. Por que eu estou há cinco metros da próxima Libertadores do ano que vem, enquanto essas equipes que estão disputando o Campeonato Brasileiro estão há cinco mil quilômetros [...]. Seremos campeões e depois vamos brincar no Brasileirão, a verdade é essa - disse Renato.

De 'certeza que o Fluminense sairá do Maracanã campeão da Libertadores', o técnico viu o goleiro Cevallos ser herói da LDU ao defender três cobranças nas penalidades e sair do Rio de Janeiro com a taça. No Brasileiro, o tricolor carioca terminou em 14°.

Relembre outras declarações de Renato

"COM 200 MILHÕES, A OBRIGAÇÃO É GANHAR"


Começamos com a mais atual de todas. Hoje treinador do Flamengo, Renato exclamou, quando ainda era comandante do Grêmio, que futebol bonito tem que ser cobrado dos clubes que mais investiram, entre eles, o clube carioca.

- Futebol bonito vocês têm que cobrar do Atlético-MG e do Flamengo. Essas são as duas equipes que têm a obrigação de apresentar futebol bonito, pelo o que gastaram. Se um dia a diretoria do Grêmio falar: ‘Olha, Renato, você tem R$ 200 milhões para contratar’. Aí pode me cobrar futebol bonito.

O Flamengo gastou quase R$ 200 milhões em contratações. Parabéns para a diretoria do Flamengo que tem esse dinheiro e gastaram muito bem. Armaram um time muito forte, então eles têm obrigação de ganhar, sim. E é a mesma coisa o Palmeiras.

"NÃO PRECISO ESTUDAR, PORQUE ME GARANTO"

Pouco tempo após chegar ao Grêmio, Renato conquistou o título da Copa do Brasil e respondeu aos críticos que não o consideravam atualizado para o futebol

- Quem precisa aprender, estuda e vai pra Europa. Quem não precisa, pode tirar férias na praia. Eu não preciso, porque me garanto. Falo isso e muitos criticaram. Agora eu pergunto às pessoas que criticaram, que falaram que estavam trazendo um treinador que jogava futevôlei na praia: ‘E aí?’ Quem sabe, sabe. Quem não sabe, vai estudar. Futebol é como andar de bicicleta: nunca desaprende.

"ATÉ O STEVIE WONDER"

Renato, em 2016, ainda cutucou Pep Guardiola e José Mourinho.

- Tem treinadores lá fora que todo mundo elogia, por méritos. O Guardiola é um deles e o Mourinho é outro. Aí eu pergunto para você: alguém viu um dos dois em um grupo mais ou menos ou fraco? Eu queria estar no lugar deles, chegar em um clube e montar meu time, uma seleção praticamente.

- Aí ele é obrigado a dar resultado. Vocês veem o time do Guardiola e do Mourinho e falam ‘nossa que futebol bonito.’ Bom, ali até o Stevie Wonder. Quero ver vir trabalhar na dificuldade. 

"DEIXA EU TE CONTAR UMA HISTORIA...'

Após garantir vaga na final da Copa do Brasil 2020, Renato ironizou a maior posse de bola do São Paulo fazendo uma comparação considerada machista.

- A tua pergunta é boa? Deixa eu te contar uma historia sobre posse de bola. Minha equipe é objetiva para buscar o gol. Não adianta ficar tocando a bola dentro do próprio campo. Quando meu time tem a bola, é agressivo. A mim, não interessa ter 70% de posse de bola. Vou te contar uma historinha sobre posse de bola. Teve um cara que pegou uma mulher bonita e levou ela para jantar. Levou para jantar a luz de velas, conversou bastante. Saiu do restaurante, foi na boate e ficou até às 5h da manhã com ela. Gastou uma saliva monstruosa. Aí, na boate, chegou um amigo meu, conversou com ela 15 minutos e levou ela para o motel. Entendeu? Se não entendeu outra hora eu explico. Meu amigo ganhou o jogo. Feliz ano novo.

'MAIS FÁCIL O MAR SECAR'

Na zona de rebaixamento do Campeonato Gaúcho de 2018, o treinador ironizou um possível rebaixamento gremista no estadual.

- É mais fácil o mar secar. Risco tem até quando se joga na loto. O Grêmio classificará. Infelizmente, este é o preço que se paga por ganhar a Libertadores e disputar o Mundial.

"QUERO VER O CR7"

Por diversas vezes, Renato Gaúcho se equiparou a Cristiano Ronaldo dentro de campo, chegando a afirmar que jogou até mais que o craque português, eleito cinco vezes o melhor jogador do mundo.

- Muita gente hoje é de uma geração que acompanha o Cristiano Ronaldo. Essa geração não me viu jogar. Daí você pega a geração antiga, que me viu jogar, e pode ter certeza que é outra opinião. Queria ver Cristiano Ronaldo jogar nos clubes onde joguei – em alguns com três, quatro meses de salários atrasados – e ser campeão como eu fui.

"O MEU TIME É O MELHOR DO BRASIL"

Por último, não poderia faltar a frase mais recorrente de Renato e motivo de memes por torcedores rivais. Campeão da Copa do Brasil e da Libertadores no ano seguinte, Portaluppi não tinha dúvidas: 'O meu time é o melhor do país'.

- O meu time é o melhor do Brasil. Tem equipes que jogam bem aqui, um jogo ou dois, mas o meu time joga o melhor futebol do país há dois anos e meio. O mole eu já corrigi e isso é fácil. Pronto. Mas o nosso futebol continua o mesmo. Se o Grêmio tivesse ganho o jogo domingo, o Brasil todo falaria que jogamos o melhor futebol.