lance biz logo

Mercado do Esporte

twitter logo
twitter logo
twitter logo
twitter logo

Torcedores do mundo inteiro poderão ser donos de um clube na Espanha; saiba como

Startup do Vale do Silício, f2o pretende levantar dinheiro por meio de crowdfunding para comprar time de futebol

F8fNzDEWsAASBV4-aspect-ratio-512-320

f2o promete comprar um clube de futebol e entregar gestão aos torcedores (Foto: Divulgação)

Lance! - 21/11/2023 - 16:30

Lance! - 21/11/2023 - 16:30

Um clube em que os torcedores tenham controle total e ajudem diretamente nas decisões da diretoria. É com esta proposta que a empresa f2o Sports, com base nos Estados Unidos, iniciou sua primeira campanha de crowdfunding regulatório sob sua subsidiária Fan to Owner.

A iniciativa permitirá que fãs de todo o mundo participem da propriedade do primeiro time que será adquirido pelo grupo f2o Sports – um time de futebol na Espanha.

➡️ Acompanhe os negócios no esporte em nosso novo canal. Siga o Lance! Biz no WhatsApp

A partir de agora, torcedores interessados poderão participar do levantamento de capital sob o Regulamento Crowdfunding (Reg CF) para investir no clube espanhol e receber vantagens pela inscrição antecipada.

Todas as transações ao abrigo do Regulamento CF são realizadas online através de um intermediário registado na Securities and Exchange Commission (SEC), para proteger os investidores e manter a integridade dos mercados de valores.

- No primeiro ano, estamos dando aos torcedores de todo o mundo a oportunidade de se tornarem proprietários de um clube de futebol na Espanha e de se envolverem no esporte como nunca antes. Queremos garantir que o público tenha voz nas decisões e possa experimentar o conteúdo da equipe anteriormente salvo apenas para alguns. Tudo isso enquanto monetizam as unidades que compram por meio de nosso Reg CF - explicou Wolfgang Muller, cofundador e CEO da f2o Sports.

➡️ Superclássico das Américas: os bilhões por trás da rivalidade entre Brasil e Argentina

Estamos prestes a deixar alguns dos antigos proprietários desconfortáveis e isso é uma coisa boa
Wolfgang Muller, cofundador e CEO da f2o Sports

A estratégia está baseada em três pilares: descentralização (para que a propriedade se divida entre fãs, não necessariamente ricos), digitalização (para que a administração seja viável mesmo à distância) e globalização (para que fãs do mundo todo se conectem a um clube).

Com o aumento da concentração de poder no topo do esporte, os fãs são excluídos da propriedade das equipes pelas quais são apaixonados. A f2o Sports busca mudar o modelo ultrapassado de propriedade esportiva profissional, transformando os fãs do esporte em verdadeiros proprietários.

Torcedores no estádio

Torcedores podem investir em clube do futebol espanhol (Foto: Shutterstock)

Compartilhetwitter logofacebook logowhatsapp logo
share logo

Relacionados

Mais lidas no L!Biz