Maracanã

Público pode voltar durante a pandemia (Foto: Divulgação Flamengo)

LANCE!
13/01/2021
07:57
Rio de Janeiro (RJ)

Estádios do Rio de Janeiro com público mesmo durante a pandemia do Covid? Conforme informa o jornal "O Globo", a prefeitura havia definido novas medidas de seguranças - válidas apenas no município - em uma reunião com entre os Secretários de Saúde do estado, Carlos Alberto Chaves, e da cidade do Rio, Daniel Soranz. Na manhã desta quarta-feira, o prefeito Eduardo Paes disse que revogará da decisão.

VEJA A TABELA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Na reunião, ficou definido que Maracanã, São Januário e Nilton Santos poderão ter torcedores, mas com algumas restrições. Se o risco de contaminação for moderado, o público será limitado a 20% e terá distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas. O consumo de bebidas alcoólicas será permitido apenas nos próprios assentos. Além disso, terá uma fiscalização de entrada e saída para evitar aglomerações.

Em caso de risco alto, porém, as medidas são ainda mais rígidas. O público será limitado a apenas 10% da capacidade, com distanciamento mínimo de dois metros entre os torcedores. O consumo de bebidas alcoólicas continua permitido apenas nos próprios assentos e a fiscalização de entradas e saídas também seguirá. Em caso de estádios menores (até 8 mil lugares), a distância mínima entre as pessoas aumenta para três metros - mas pode ser reduzida se forem da mesma família. 

Caso o risco de contaminação volte a ser muito alto, os públicos serão proibidos novamente.

O prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, em seu Twitter, disse que a medida está de acordo com os protocolos de saúde, mas que é impossível de ser realizada. Assim, Paes garantiu que revogará a decisão.

O último jogo que a cidade do Rio de Janeiro recebeu foi no dia 11 de março, quando o Flamengo venceu o Barcelona, pela Libertadores, por 3 a 0. Gustavo Henrique, Gabriel Barbosa e Bruno Henrique fizeram os gols do rubro-negro.