Rogério Ceni

Rogério Ceni está próximo de segundo título no comando do Fortaleza (Foto: LC Moreira/Lancepress!)

Fabio Chiorino e Rodrigo Borges
15/04/2019
08:21

Com dois gols do meia Edinho, o Fortaleza venceu o Ceará por 2 a 0 e abriu grande vantagem na decisão do Campeonato Cearense. Agora, o Tricolor pode perder até por um gol de diferença na partida de volta, na Arena Castelão, para garantir seu 42º título estadual - com melhor campanha, o Vozão leva o caneco se vencer por dois gols. A tarde de ontem marcou também a quebra de uma escrita: depois de sete clássicos, foi a primeira vez que Rogério Ceni, há 17 meses no comando, levou a melhor sobre o maior rival. O eventual título no próximo domingo, somado à conquista da Série B em 2018, tem o poder de solidificar a rápida identificação do clube e torcida com o ex-goleiro e aumentar o assédio sobre o treinador já nas primeiras rodadas da Série A do Brasileirão, competição que o Fortaleza não disputava desde 2006. Na virada do ano, o "fico" de Rogério Ceni ajudou o clube a seguir seu planejamento, mas a maior visibilidade do seu treinador tem tudo para novamente atrair times em busca de soluções rápidas, como é o caso atual do Atlético-MG. Difícil prever como será a trajetória de Fortaleza e Ceni no retorno à elite, mas é fato que o técnico já tem hoje um tamanho muito maior e conseguiu reverter, por méritos próprios, o fracasso no São Paulo, em sua primeira tentativa na nova profissão.

Quer ler mais opinião e informação todos os dias? O LANCE! Espresso é uma newsletter gratuita que chega de manhã ao seu e-mail, de segunda a sexta. É uma leitura rápida e saborosa como aquele cafezinho de todos os dias, que vai colocar você por dentro das principais notícias do esporte. A marca registrada do jornalismo do LANCE!, com análises especiais. Clique aqui e inscreva-se.