Douglas Borges

Douglas Borges foi eleito o melhor goleiro do Campeonato Carioca 2020 (Foto: Volta Redonda/Divulgação)

Rodrigo Souza*
29/08/2020
06:00
Rio de Janeiro (RJ)

O Volta Redonda é a sensação do futebol do Rio de Janeiro entre os times de menor investimento. Terceiro colocado no Campeonato Carioca 2020, atrás somente dos finalistas Flamengo e Fluminense, o Voltaço tem dois grandes personagens na temporada, e um deles é o goleiro Douglas Borges. 

Eleito o melhor goleiro do Campeonato Carioca 2020, Douglas Borges superou a concorrência de nomes como Diego Alves, do Flamengo, e Gatito Fernandez, do Botafogo, que nos últimos anos se consolidaram entre os principais nomes da posição no cenário nacional. Em entrevista ao LANCE!, o pilar do Voltaço comentou sobre a conquista. 

- Ser eleito o melhor goleiro do Carioca 2020 foi muito bom. Ser escolhido no meio de tantos goleiros de alto nível como Gatito, Diego Alves e Fernando Miguel é algo que vou guardar para a minha vida. Momento especial na minha carreira - disse o goleiro, que elegeu a partida contra o Flamengo como o momento mais marcante.

- O momento que mais me marcou foi o jogo contra o Flamengo. Pude ter uma excelente participação na partida, com grandes defesas importantes e difíceis. Numa partida com grande visibilidade como essa é sempre muito importante fazer um grande jogo. Foi especial pra mim - completou. 

"Batemos na trave outros anos e isso fez do clube ainda mais forte. Estamos focados no sonhado acesso"

O time da 'Cidade do Aço' atualmente disputa a terceira divisão nacional. No Grupo B, o Voltaço é o líder com sete pontos em três jogos e volta a campo no próximo domingo, às 16h, contra o São José, pela 4ª rodada. Com um início avassalador, Douglas acredita que o acesso para a segundona pode deixar de ser sonho e virar realidade.

- Acredito muito que sim. É possível sonhar. Já batemos na trave outros anos e isso fez do clube ainda mais forte. Estamos focados nesse tão sonhado acesso para a Série B - finalizou.

*Estagiário sob a supervisão de Tadeu Rocha