CSA x Londrina

Augusto Oliveira/CSA

LANCE!
20/06/2021
22:34
Futebol Latino

No Rei Pelé, o CSA venceu o Londrina por 1 a 0. O triunfo, o primeiro na Série B, deixa o Azulão com 5 pontos, na 13ª colocação. O Tubarão é o penúltimo, com 3 pontos.

CALENDÁRIO

O CSA visita o Botafogo na próxima rodada. Enquanto isso, o Londrina mede forças contra o Náutico, no estádio do Café.

GOL NO INÍCIO

Os dois times ainda esquentavam as turbinas, quando Gabriel acertou uma bela cobrança de falta e colocou o CSA em vantagem. O gol deu tranquilidade ao time de Bruno Pivetti, que dominou o Londrina.

CHANCES PERDIDAS

O Azulão teve ao menos mais duas oportunidades para ampliar o marcador, mas Dellatorre e Yago perderam chances incríveis. O Tubarão teve apenas uma oportunidade. No cruzamento, Thiago Rodrigues deu rebote e Salatiel soltou o pé. O arqueiro do Azulão se lançou nos pés do atleta e salvou.

LONDRINA SONOLETO

Com a necessidade de buscar o empate, o Londrina pouco fez dentro de campo. Apenas chances esporádicas foram criadas, como, por exemplo, aos 10 minutos. Marcondes chutou e Thaigo Rodrigues salvou. Na reta final, Talison aproveitou o cruzamento, cabeceou e viu a bola passar rente ao poste.

TRAVE SALVA

No último lance do jogo, na base do abafa, o Londrina chegou com Caprini. O atacante chutou, a bola pegou na trave, nas costas de Thiago Rodrigues e saiu.

CSA 1 X 0 LONDRINA
Local: Rei Pelé, Maceió (AL)
Data-Hora: 20/6/2021 – 20h30
Árbitro: André Rodrigo Rocha (TO)
Auxiliares: Cipriano da Silva Sousa (TO) e Samuel Smith Nobrega Silva (TO)

Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos: Yago, Thiago Rodrigues, Gabriel, Reinaldo, Cristovam (CSA), Luiz Henrique (LON)
Cartões vermelhos: –
Gols: Gabriel (2’/1ºT)

CSA: Thiago Rodriguez; Cristovam, Lucão, Matheus Felipe e Kevyn; Geovane, Gabriel (Aylon, aos 32/2ºT) e Yago (Giva Santos, aos 12/2ºT); Iury (Marco Túlio, aos 32/2ºT) , Silvinho (Reinaldo, aos 24/2ºT) e Dellatorre. Técnico: Bruno Pivetti.
LONDRINA: César; Ricardo Luz (Talison, aos 19/2ºT), Marcondes, Augusto e Luiz Henrique; Jean Henrique (Tárik, aos 19/2ºT), Marcelo Freitas (Tiago Orobó, aos 28/2ºT), Adenilson; Douglas Santos (Caprini, aos 41/1ºT), Alisson Safira e Salatiel (Júnior Pirambu, ao 0/2ºT). Técnico: Roberto Fonseca.