Giovanni - Avaí

(Foto: André Palma Ribeiro/Avaí)

Futebol Latino
23/05/2021
18:13
Florianópolis (SC)

O Avaí está mais próximo de ser o campeão Catarinense de 2021. O Leão da Ilha derrotou a Chapecoense por 2 a 1, no Estádio da Ressacada e pode empatar o jogo de volta que será o dono da taça do estadual.

A etapa inicial do primeiro jogo da final foi de muita marcação e poucas chances para as equipes. Contudo, o Avaí foi o time a chegar com mais perigo. Aos 23 minutos, Valdívia deu bom chute de chapa, a bola desviou e balançou as redes, mas do lado de fora.

Se o primeiro tempo foi de poucas emoções, a segunda etapa pegou fogo. O Avaí abriu o placar aos 19 minutos em uma cobrança de falta de Lourenço. O camisa 97 chutou com força, a bola passou pela barreira e foi morrer nas redes da Chapecoense.

O empate do Verdão do Oeste saiu aos 32 minutos com Anderson Leite. Mike recebeu dentro da área e apenas rolou para o volante, que soltou o pé para deixar o placar tudo igual.

No apagar das luzes os donos da casa buscaram a vitória. Aos 49 minutos, Vinícius Leite aproveitou um erro da defesa da Chape, dominou a bola e finalizou. A bola desviou em Ronei e tirou as chances de defesa do arqueiro da Chape.

Próximo jogo:

Com o primeiro jogo da decisão do estadual já no passado, os rivais se enfrentam novamente para decidir o dono da taça na próxima quarta-feira, na Arena Condá.

Ficha técnica Avaí x Chapecoense:

Local: Estádio da Ressacada, Florianópolis (SC)
Data-Horário: 23/05/2021 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Augusto Silveira Tisne (SC)
Auxiliares: Helton Nunes (SC) e Alexandre de Medeiros Lodetti (SC)
Cartões amarelos: Lourenço, Júnior Dutra, Fagner Alemão, Edílson (AVA); Anselmo Ramon, Mike, Geuvânio, Anderson Leite (CHA)
Cartão vermelho: Bruno Silva (CHA)
Gols: Lourenço (19'/2ºT), Anderson Leite (32'/2ºT), Vinícius Leite (49'/2ºT)

Avaí: Glédson; Edílson, Fagner Alemão, Betão e Diego Renan; Bruno Silva, Lourenço (Jean, aos 34/2ºT) e Giovanni (Wesley Soares, aos 39/2ºT); Valdivia (Vinícius Leite, aos 15/2ºT), Getúlio (Jonathan, aos 39/2ºT) e Júnior Dutra (Renato, aos 15/2ºT). Técnico: Claudinei Oliveira.

Chapecoense: Keiller; Matheus Ribeiro (Ronei, aos 26/2ºT), Laércio, Derlan e Busanello; Léo Gomes, Anderson Leite e Fabinho (Geuvânio, aos 26/2ºT); Mike (Bruno Silva, aos 42/2ºT), Anselmo Ramon e Perotti (Ravanelli, aos 26/2ºT). Técnico: Mozart.