Argentina x Chile

Foto: Juan Mabromata / POOL / AFP

Futebol Latino
03/06/2021
23:04
Santiago del Estero (ARG)

Em jogo válido pelas Eliminatórias Sul-Americanas para Copa do Mundo do Qatar 2022, que foi realizado no estádio Único Madre de Ciudades, na cidade Argentina de Santiago del Estero, em jogo morno, Argentina e Chile ficaram no empate pelo placar de 1 a 1. Gols marcados no primeiro tempo por Messi e Alexis Sánchez.

Com o resultado, a Argentina permanece na segunda colocação das Eliminatórias da América do Sul, com 11 pontos ganhos. Já o Chile foi para 5 pontos e está na sexta colocação. Na próxima rodada, La Roja recebe a Bolívia. Já Argentina visita a Colômbia. Ambas as partidas serão realizadas na terça-feira.

A partida

PRIMEIROS 20 MINUTOS DE MUITA MARCAÇÃO E POUCOS LANCES DE PERIGO
A partida entre Argentina e Chile começou com as duas equipes muito mais preocupadas em neutralizar as virtudes do adversário do que criar oportunidades de perigo. Das chances criadas, a única que foi com relativo perigo foi um arremate de fora da área de Eduardo Vargas, que passou próximo do gol.

PÊNALTI ASSINALADO PELO VAR E GOL DE MESSI
O jogo era bem morno e sem emoção até Di María acertar um passe em profundidade para Lautaro Martinez, que acabou sendo derrubado por Maripán dentro da área. O árbitro consultou o VAR e acabou assinalando a penalidade, aos 23 minutos. Messi bateu com muita categoria e fez: 1 a 0 para Argentina.

ARGENTINA NÃO CONSEGUE AMPLIAR E TOMA O GOL EMPATE
O gol não mudou muito o panorama do jogo. A Argentina só assustou uma vez em chute de De Paul de fora da área. O Chile aproveitou que o ataque da Albiceleste não pressionava e foi para cima atrás do empate. Aos 35, após falta levantada na área, Medel tocou a bola para o meio da área. Bem colocado, Alexis Sánchez só empurrou para igualar o marcador: 1 a 1.

MESSI QUASE COLOCA A ARGENTINA EM VANTAGEM
Antes do intervalo, a Argentina poderia ter ido para o vestiário em vantagem no placar. Em falta na entrada da área, Messi bateu com maestria, mas o goleiro Claudio Bravo fez uma grande defesa e salvou o time do Chile.

EM 30 MINUTOS NO SEGUNDO TEMPO, EQUIPES POUCO CRIARAM
As duas equipes voltaram do intervalo pouco inspiradas. A Argentina até teve um domínio maior, mas tinha muita dificuldade em criar e também não finalizava de fora da área. O Chile se contentava apenas em se defender e evitar que a Albiceleste passasse a frente no placar.

MESSI ACERTA O TRAVESSÃO EM COBRANÇA DE FALTA
Se a Argentina não conseguia assustar em jogadas construídas, o mesmo não podia ser dito na bola parada. Em cobrança de falta, Messi bateu de novo muito bem, mas desta vez a bola explodiu no travessão do goleiro Bravo.

ARGENTINA ACELERA NO FIM DO JOGO, MAS BRAVO SALVA O CHILE
A Albiceleste foi para o abafa no fim do jogo atrás dom gol da vitória e poderia ter marcado em duas ótimas jogadas individuais de Messi. Mas as finalizações do camisa 10 Argentino pararam no goleiro Claudio Bravio, que conseguiu defender e garantir a igualdade no placar.

ARGENTINA 1 X 1 CHILE – ELIMINATÓRIAS DA COPA DO MUNDO 2022
Estádio: Único Madre de Ciudades, em Santiago del Estero (ARG)
Data: 03 de junho de 2021, às 21h00 (de Brasília)
Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)
Assistentes: Túlio Moreno e Lubin Torrealba
Cartões amarelos: Romero e Martínez Quarta (ARG), Galdames e Aránguiz (CHI)
Cartões vermelhos:
GOLS: Messi, 23’/1ºT, Alexis Sanchez, 35’/1ºT.

ARGENTINA (Técnico: Lionel Scaloni)
Emiliano Martínez; Romero, Martínez Quarta (Lisandro Martínez, no intervalo), Foyth (Molina, aos 36’/2ºT) e Tagliafico; Paredes (Palacios, aos 36’/2ºT), Ocampos ( Ángel Correa, no intervalo) e De Paul; Messi, Lautaro Martínez e Di María (Julián Álvarez, aos 16’/2ºT).

CHILE (Técnico: Martín Lasarte)
Bravo; Isla, Medel, Maripán e Mena; Galdames (Pinares, aos 19’/2ºT), Aránguiz (Alarcón, aos 39’/2ºT) e Pulgar; Meneses, Vargas (Palacios, aos 35’/2ºT) e Alexis Sánchez.