Martin O'Neill Forest

Técnico foi dispensado após cinco meses no cargo; jogadores reclamaram de treinos (Divulgação/Nottingham Forest)

LANCE!
28/06/2019
18:12
Nottingham (ING)

A direção do tradicional clube inglês Nottingham Forest tomou uma decisão um tanto quanto controversa nesta sexta-feira. O clube anunciou a demissão do técnico Martin O'Neill após cinco meses no cargo. Apenas 18 minutos depois, Sabri Lamouchi foi confirmado como novo treinador.

Às 9h21 da manhã dessa sexta, o Forest anunciou nas redes sociais a demissão de O'Neill. Às 9h39, Lamouchi foi anunciado para substituí-lo. O comunicado oficial do Nottingham sobre a demissão de O'Neill teve apenas 37 palavras (em inglês). Veja o comunicado traduzido abaixo:

"O Nottingham Forest pode confirmar que o técnico Martin O'Neill deixou o clube. O clube gostaria de agradecer a Martin por todo o seu trabalho durante o tempo no City Ground e deseja o melhor para o futuro".

Martin O'Neill ficou apenas cinco meses no cargo - ele foi contratado em janeiro deste ano. De acordo com o jornal 'Daily Mail', o motivo foi a perda de confiança dos principais jogadores do elenco nos métodos de treinamento usados pelo técnico. Cinco dias antes, o ex-jogador Roy Keane deixou o cargo de auxiliar técnico, o que também pesou na decisão.

No entanto, as reações foram bastante diferenciadas entre os torcedores. Além da troca rápida, O'Neill também é um ídolo do clube. Ele foi jogador do Forest entre 1971 e 1981, e atuou nas conquistas de Liga dos Campeões da equipe, em 1979 e 1989. Alguns torcedores criticaram o tratamento com um ídolo do clube e a alteração no cargo de maneira tão rápida. Outros, porém, se mostraram aliviados com a saída de O'Neill.

Sabri Lamouchi, o substituto, treinou a Costa do Marfim durante a Copa do Mundo de 2014. Seu último trabalho foi no Rennes, da França, na temporada 2017/18.