Giuseppe Meazza/San Siro (Divulgação)

Diversos jogos no Campeonato Italiano serão realizados com portões fechados por precaução (Divulgação)

LANCE!
27/02/2020
07:09
Siena (ITA)

O primeiro caso de coronavírus no mundo do futebol foi diagnosticado na Itália. O atacante King Udoh, de 22 anos, do Pianese, clube que disputa a terceira divisão no país, testou positivo para a doença na noite da última quarta-feira. O atleta foi encaminhado para uma policlínica na cidade de Siena, que pertence a região da Toscana.

O jogador que, inicialmente não teve o nome divulgado, havia acusado sintomas de gripe no último sábado e não treinou no dia seguinte por precaução, embora tenha participado do almoço com todo o grupo. O esportista usou um dia de sua folga para visitar os pais em Emília, no norte do país, uma das regiões mais afetadas pelo coronavírus. Não haverá treinos para a equipe do Pianese nesta quinta-feira.

No último domingo, seu time esteve em campo para enfrentar o sub-23 da Juventus, mas Udoh foi poupado por conta de sua condição física. Ainda assim, o Pianese anunciou que todos o elenco e membros da comissão técnica estão em quarentena e não apresentam sintomas.

A Juventus também se preveniu e vetou que os atletas do sub-23 treinassem com o elenco profissional, que conta, por exemplo, com Cristiano Ronaldo.