Milan x Torino

Ambas as equipes tiveram boas chances de marcar, mas não souberam aproveitar (Foto: Reprodução)

LANCE!
09/12/2018
19:29
Milão (ITA)

Em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Italiano, o Milan recebeu o Torino, no San Siro e, com Lucas Paquetá na arquibancada, empatou em 0 a 0. A partida não teve muitas emoções e a equipe visitante foi superior no primeiro tempo. Na segunda etapa, os Rossoneri tiveram mais a bola, mas faltou criatividade e eficiência para marcar.

Grande defesa
O Torino começou a partida melhor, dominando os espaços no meio campo e atacando de forma mais incisiva, principalmente pelas laterais do campo. Em uma das melhores oportunidades, Iago Falque recebeu cruzamento e cabeceou com firma, dentro da pequena área. O goleiro Donnarumma, porém, fez uma defesa magnífica para evitar o gol no início dos visitantes.

Torino melhor
O Milan tinha dificuldade de criar oportunidades, mas passou a permanecer mais com a bola no campo de ataque. Suso, Higuaín e Cutrone eram os mais acionados. O Torino, quando chegava ao ataque, porém, eram mais perigoso que o clube da casa. Belotti teve uma grande chance de abrir o placar, mas próximo da pequena área, ao pegar de primeira, mandou para fora.

Milan equilibra
Jogando em casa, os Rossoneri aumentaram a intensidade do seu estilo de jogo e passou a equilibrar as forças com o Torino. No contra-ataque, Higuaín conduziu a bola até a entrada da área, ao invés de dar o passe, chutou para o gol, mas foi travado. Na sobra, Cutrone quase marcou, mas o goleiro Sirigu fez a defesa e afastou para escanteio.

Marcação aperta
O segundo tempo começou mais disputado, com ambas as equipes com dificuldades de construir jogadas ofensivas. A marcação ficou mais forte e o jogo passou a fluir com menos facilidade. O Torino apertou a marcação no meio de campo e o Milan não tinha a criatividade suficiente para chegar ao ataque.

Higuaín vai mal
Gattuso resolveu tirar Çanalhoglu e colocou o meia espanhol Castillejo, para tentar aumentar a ofensividade do Milan e dar mais fôlego a equipe. Higuaín tentava ser a referência no ataque, mas teve dificuldades de receber a bola e quando saia da área, não conseguia trabalhar as jogadas. O Torino, por sua vez, não repetiu a mesma pressão e ofensividade da primeira etapa.

Empate insosso
Na melhor chance do segundo tempo, Suso recebeu dentro da área e bateu forte. A bola bateu na rede do lado de fora e assustou o goleiro Sirigu. Porém, foi Cutrone que teve a melhor chance, mas, sozinho, dentro da área, chutou para fora. O empate mantém o Milan na quarta colocação, agora com 26 pontos. O Torino perde a chance de se aproximar ainda mais do G4 e assume a sexta colocação, com 22 pontos.