LANCE!
02/04/2019
17:37
Manchester (ING)

O Wolverhampton fez valer o título de carrasco dos grandes ingleses e venceu o Manchester United, nesta terça-feira, por 2 a 1, de virada. McTomminay abriu o placar para os Diabos Vermelhos, mas Diego Jota e Smalling (contra) garantiram a vitória. O Wolves consegue vencer duas vezes o United na mesma temporada, pela primeira vez, desde 1979/80. A segunda derrota de Solskjaer no comando do Manchester garante ao clube a quinta posição na tabela (61 pontos).

Primeiro domínio
O primeiro tempo pode ser dividido em duas partes. Na primeira metade, domínio do United, na segunda, do Wolverhampton. McTomminay fez seu primeiro gol com a camisa do United e abriu o placar, no início, em um bonito chute cruzado e rasteiro de fora da área. Lingaard teve grande chance de ampliar, mas desperdiçou, de cabeça, na pequena área.

McTomminay
O momento do chute de McTomminay (Foto: Reprodução)

Segundo domínio
Na segunda metade da primeira etapa, o Wolverhampton dominou. Raúl Gimenez chutou forte e assustou, mas foi Diego Jota que empatou o marcador. Após saída de bola errada, o português invadiu a área e bateu na saída de De Gea para marcar seu sexto gol em sete jogos (veja abaixo).

Complicou
O United criava mais no segundo tempo, enquanto o Wolves aceitava a pressão. Young, porém, foi expulsou e complicou o time da casa. Até os 30 minutos da segunda etapa, o Manchester tinha criado nove chances contra nenhuma do adversário. Na única oportunidade do Wolverhampton, a bola foi alçada na área, Smalling se enrolou e fez contra. 

Deu ruim!

Após o gol, o Manchester sentiu a pressão de empatar a partida e não conseguiu se tranquilizar para arquitetar as jogadas em busca do empate. Pogba, distante, teve atuação fraca, enquanto o Wolverhampton soube controlar a vantagem para sacramentar a vitória.