Lloris - Liverpool

Lloris arrependeu-se pelo erro (Foto: Reprodução / Twitter)

LANCE!
13/09/2018
19:36
Londres (ING)

Capitão do Tottenham, Hugo Lloris foi detido sob efeito de bebida alcoolica no último dia 24 de agosto. Segundo o jornal "The Sun", o goleiro, envergonhado, pediu para deixar de usar a braçadeira por conta do episódio. No entanto, o técnico Mauricio Pochettino não aceitou.

Na última quarta-feira, Lloris foi condenado pelo incidente e terá que pagar multa de 50 mil libras (R$ 270 mil), além de ter o direito de dirigir suspenso por 20 meses. A publicação aponta que o Tottenham também teria punido o francês em 300 mil libras (R$ 1,65 milhão).

De acordo com o jornal inglês, Pochettino negou o pedido do goleiro em deixar de ser o capitão.

- Lloris desculpou-se com todo mundo, comigo, com a comissão técnica, com os torcedores e disse que qualquer decisão que o clube tomasse seria justa. Nós conversamos, e ele explicou o que aconteceu. Ele já sabia naquele momento que havia cometido um grande erro - comentou Pochettino:

Pochettino - Tottenham
Pochettino manteve a braçadeira com Lloris (Foto: Glyn Kirk / AFP)

- Ele disse que está sendo uma lição gigante, que cometeu um erro e que precisava pagar. Como um homem, vai aceitar o que vier.

O treinador afirmou que qualquer pessoa pode cometer o erro e revelou que o goleiro está arrependido.

- É claro que todas as pessoas podem cometer erros, e essa é uma lição para a vida dele. Ele foi o primeiro a se arrepender e está se sentindo muito mal com tudo isso. Nós não somos Deus, não podemos julgar as pessoas. Só podemos tentar assegurar que ele entenda que foi um erro. Mas ele é esperto, vai aprender e levantar a cabeça.

No próximo sábado, às 8h30 (de Brasília), em Wembley, o Tottenham encara o Liverpool. Lloris ainda se recupera de uma lesão na coxa e não estará em campo. O goleiro não enfrentou o Watford, há duas semanas, e ficou fora dos jogos da França pela Liga das Nações.

- Lloris vai ser submetido a outro exame de imagem para ver a evolução de sua lesão e, com sorte, ficará bem e estará disponível em breve - finalizou Pochettino, que também não terá Dele Alli.