Everton x Tottenham

O atacante Calvert-Lewin marcou um dos nove gols da partida (Foto: CLIVE BRUNSKILL / POOL / AFP)

LANCE!
10/02/2021
18:52
Liverpool (ING)

Nesta quarta-feira, 10, o Everton venceu o Tottenham por 5 a 4, na prorrogação, no Goodison Park, em partida válida pelas oitavas de final da Copa da Inglaterra. Calvert-Lewin, Richarlison (2), Sigurðsson e Bernard fizeram os gols da vitória, já Davinson Sánchez (2), Lamela e Harry Kane descontaram para os Spurs. Com o resultado, o time de Liverpool está classificado para as quartas de final da competição.

+ Manchester City vence Swansea e avança às quartas de final da FA Cup

TOTTENHAM COMEÇA COM TUDO
Com um minuto de jogo, o Tottenham chegou perto de abrir o placar em boa cabeçada de Lamela que parou no goleiro Olsen. No entanto, dois minutos depois, em cobrança de escanteio de Son, Davinson Sánchez subiu mais alto do que todos e cabeceou para abrir o placar para os Spurs.

PRESSÃO FUNCIONA
O Everton reagiu e, aos 18 minutos, Calvert-Lewin acertou a trave do Tottenham, depois de cruzamento a meia altura. Contudo, foi aos 35 minutos que veio o empate. Os Spurs saíram mal, o Everton recuperou a posse e a bola chegou até o atacante Calvert-Lewin, que bateu forte, de dentro da área. Lloris até encostou na bola, mas não conseguiu evitar o empate.

VIRADA RELÂMPAGO
Aos 38 minutos, Calvert-Lewin tocou de letra para Richarlison, que, da entrada da área, bateu forte e rasteiro no canto de Lloris para virar a partida. Três minutos depois, Calvert-Lewin foi derrubado na área por Højbjerg. Na cobrança, Gylfi Sigurðsson fez o terceiro gol do Everton no jogo.

SPURS REAGEM
Já na reta final do primeiro tempo, Lamela tabelou com Son e bateu na saída do goleiro Olsen para diminuir a vantagem do time de Liverpool. Na volta do intervalo, aos 12 minutos, Toby Alderweireld subiu mais alto do que todos e conseguiu o desvio, o goleiro Olsen espalma, mas, no rebote, Davinson Sánchez aparece para empatar o jogo em 3 a 3.

TOMA LÁ, DA CÁ
​Aos 23 minutos do segundo tempo, Sigurðsson enfiou boa bola para Richarlison bater cruzado de esquerda para por o Everton, novamente, na frente do placar. No entanto, na reta final do segundo tempo, Son cruzou na medida para Kane, de peixinho na pequena área, empatar a partida em 4 a 4 e levar o confronto para a prorrogação. No lance anterior, Doucouré já havia tirado uma bola em cima da linha em chute do argentino Lamela.

O VENCEDOR
​Aos seis minutos do primeiro tempo da prorrogação, o brasileiro Bernard, que entrou no decorrer do jogo, tabelou com Sigurðsson e, de primeira, bateu forte de perna esquerda para dar a vitória ao Everton.