Ashley Young e Eriksen

Eriksen não teve muitas oportunidades como titular na Inter de Milão (AFP Photo/Miguel MEDINA)

LANCE!
31/08/2020
09:50
Milão (ITA)

A Inter de Milão está disposta a vender o meio-campista Christian Eriksen dependendo do valor da proposta, de acordo com o “Corriere dello Sport”. O dinamarquês está avaliado pelo clube italiano por 50 milhões de euros (R$ 325 milhões), valor considerado alto pelo momento do atleta e pela crise financeira vivida no mundo do futebol por conta da pandemia da Covid-19.

O jogador de 28 anos recebe sete milhões de euros (R$ 45,5 milhões) líquidos por ano, um dos maiores salários do futebol italiano. No entanto, as poucas oportunidades sob comando de Antonio Conte, a permanência do treinador para a próxima temporada e a possível chegada de Arturo Vidal são fatores que pesam caso Eriksen queira sair e ter mais minutos em campo.

O meio-campista está apenas há sete meses na Itália e joga menos do que muitos esperavam quando o camisa 24 decidiu sair do Tottenham. A Inter se encaixou com Brozovic, Barella e Gagliardini no setor, enquanto o dinamarquês participou de 26 partidas, sendo a maioria vindo do banco de reservas, contribuindo apenas com quatro gols e três assistências.