Elkeson - Ai Kesen

Elkeson comemora gol marcado pela China (Foto: Divulgação/Sina)

LANCE!
10/09/2019
15:57
Malé (MDV)

Com nova nacionalidade e um novo nome, Elkeson – agora Ai Kesen, manteve o nível do jogador tipicamente brasileiro para começar com tudo uma nova etapa no futebol. Nesta terça-feira, o atacante marcou seus primeiros gols pela seleção da China, na goleada de 5 a 0 sobre Maldivas, fora de casa, na abertura das Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo de 2022.

Há menos de um mês, Elkeson, jogador do Guangzhou Evergrande, abriu mão da cidadania brasileira para se tornar chinês, o que fez com que, obrigatoriamente, mudasse de nome. Tudo pelo sucesso que fez na China, onde chegou em 2013 e se tornou o maior artilheiro estrangeiro da história do país, além de conquistar todos os títulos de clubes possíveis, como o tetracampeonato chinês e o bicampeonato da Liga dos Campeões da Ásia.

- Posso dizer que estava bem ansioso para esse jogo. Mudei minha vida, mudei de nacionalidade, mudei de nome, fui convocado para a seleção, já fiz minha estreia e ainda tive a felicidade de fazer dois gols. Foi uma sensação bem diferente quando marquei o primeiro gol. No fim do jogo, o contato com o torcedor à beira do campo foi bem especial. Faremos de tudo para recolocar a seleção da China novamente numa Copa do Mundo. Mas o caminho ainda é longo - disse Ai Kesen após a partida.

O camisa 11 marcou os dois gols que fecharam a goleada, já aos 38 (de pênalti) e aos 45 minutos do segundo tempo. Os outros foram anotados pelos chineses Wu Xi, Wu Lei e Yang Xu. Com três pontos, a China lidera o Grupo A das Eliminatórias Asiáticas, que, além das Maldivas, conta ainda com Síria, Filipinas e Guam.