Cristiano Ronaldo

A acusação inclui a criação de empresas fantasmas para esconder o dinheiro (Foto: AFP)

LANCE!
22/01/2019
09:48
Madri (ESP)

Cristiano Ronaldo esteve em Madrid, nesta terça-feira, para resolver uma pendência judicial. O português assumiu ser culpado de fraude fiscal na Espanha e vai ter que pagar uma multa de 18,8 milhões de euros (R$ 80 milhões). Por conta do pagamento, CR7 escapou de uma pena de 23 meses na prisão.

Culpado
O processo foi aberto contra o atacante durante o período em que Cristiano Ronaldo defendia o Real Madrid, entre 2011 e 2014. Ao assumir a culpa, o craque encerra o processo relativo a sonegação de direitos de imagem, que incluíam a criação de empresas fantasmas, na Irlanda e nas Ilhas Virgens Britânicas, para esconder a origem do dinheiro.

Sem prisão
Cristiano Ronaldo escapa da prisão e a sentença não prevê o cárcere, seja privada ou não, por conta do português não ter antecedentes criminais. Acusações, na Espanha, por menos de dois anos, sem antecedentes, não prevê a sentença de cárcere.

Detalhes do julgamento
O jogador foi para a Espanha, nesta manhã, acompanhado de sua namorada, Georgina Rodríguez e acompanhado de seu advogado, José Antonio Choclán. A audiência durou 90 minutos e foi realizada no bairro de La Vaguada, em Madrid.

Desperdiçou pênalti
Nesta segunda-feira, CR7 enfretou outros 90 minutos, mas não de audiência, mas sim de uma partida de futebol. A Juventus enfrentou o Chievo e venceu, por 3 a 0, com gols de Douglas Costa, Emre Can e Rugani (veja os melhores momentos abaixo). CR7 não marcou gols e ainda perdeu um pênalti.