Fabio Carille - Al Ittihad

(Foto:Divulgação)

LANCE!
01/03/2021
18:24
Jeddah (SAU)

No último domingo, o Al-Ittihad, do técnico Fábio Carille, venceu o Al-Qadisiya por 4 a 1, de virada. Com o triunfo, a equipe do técnico brasileiro chegou aos 35 pontos e agora figura na terceira colocação, pela primeira vez na zona de classificação à Liga dos Campeões da Ásia.

Veja a tabela do Espanhol

O Ittihad, que brigou contra o rebaixamento nos últimos anos, não ficava no G3 da Liga Saudita desde a temporada 2016/2017. Carille comemorou o feito:

- Muito feliz por essa nossa posição momentânea no campeonato, desde a temporada 2016/17 que o clube não entrava nesse G3, que dá a vaga para a competição mais importante da Ásia, a Liga dos Campeões. Esperamos manter isso até o fim e conseguir voltar a este campeonato depois de tanto tempo - disse o técnico, que salientou que essa era a intenção do clube desde a sua chegada - falou o treinador.

- O projeto aqui era esse, equilibrar a equipe e, aos poucos, devolver o Ittihad ao seu lugar, disputando forte as competições, brigando pelas posições lá em cima. Nos últimos anos, o clube acabou brigando contra o rebaixamento, mas o foco do nosso trabalho era esse, voltar estar lá em cima. Feliz que estamos conseguindo mesmo com desfalques tão importantes, como o Bruno Henrique e o Garry Rodrigues, por exemplo - disse.

Para seguir no G3, o Ittihad tem dois confrontos duros pela frente. O primeiro, na sexta-feira, é contra o Al-Wehda, antiga equipe comandada por Fábio Carille. Na rodada seguinte, duelo com o líder Al-Shabab. Para vencer os próximos jogos, a palavra-chave é: equilíbrio.

- Estamos satisfeitos demais com o empenho de todos, com a organização da equipe, o entendimento de todos da nossa ideia. Isso reflete em campo. Claro que ainda falta uma regularidade maior, a gente ainda varia entre jogos muito bons, como esse contra o Qadisiya, e outros um pouco abaixo. Mas estamos cada vez mais encontrando esse equilíbrio - disse Carille.