Manchester City x Chelsea - Final da Champions League

Chelsea estará com o calendário cheio de jogos importantes em fevereiro (Foto: CARL RECINE / POOL / AFP)

João Brandão*
30/11/2021
13:44
Rio de Janeiro (RJ)

Fevereiro, popularmente conhecido como o mês do Carnaval no Brasil, pode ser considerado também um Carnaval de torneios para o Chelsea. O clube de Londres vai participar do Mundial de Clubes com estreia marcada para o dia 9/2 diante do vencedor do jogo entre Al Hilal (SAU) x Al-Jazira (EAU) ou Auckland City (NZE). E tem como principal candidato a adversário na decisão o Palmeiras, atual campeão da Libertadores.

CARNAVAL DE COMPETIÇÕES
​Desde já, é interessante pensar como o Chelsea vai encarar a competição da Fifa. Isso porque os Blues também estão classificados para as oitavas de final da Champions League e disputam o título da Premier League, ao menos neste momento, ocupando a liderança do Campeonato Inglês.

> Veja a tabela do Mundial de Clubes

E a questão das datas será um fator chave. No próximo dia 13 de dezembro, a Uefa sorteará os confrontos das oitavas de final da Liga dos Campeões. As partidas de ida serão realizadas nos dias 15, 16, 22 e 23 de fevereiro. Ou seja, a equipe de Thomas Tuchel, caso não tenha muita sorte, pode ter um duelo decisivo fora de casa pela competição mais importante da Europa apenas três dias após a grande decisão do Mundial de Clubes.

Além do duelo válido pela Champions, o Chelsea possui um compromisso complicado contra o Crystal Palace, no Selhurst Park, no dia 19 de fevereiro. Este confronto acontece após três partidas em janeiro contra Liverpool, Manchester City e Tottenham, respectivamente.

Caso a tendência de que o Chelsea brigará pelo título da Premier League se confirme até fevereiro, o confronto entre as equipes londrinas passa a ganhar uma importância muito grande. Até porque a equipe deve perder algumas posições na tabela por conta do reagendamento dos jogos contra o Brighton e Arsenal, inicialmente marcados para os dias 8 e 12 de fevereiro.

COPAS NO CAMINHO
​Além dos jogos da Premier League e da Champions League, o Chelsea segue vivo na Copa da Liga Inglesa e entra na Copa da Inglaterra a partir da 3ª rodada. A equipe de Thomas Tuchel encara o Brentford pelas quartas de final da Carabao Cup no próximo dia 22 de dezembro. Caso avance, o clube jogará a semifinal, ainda sem data definida.

Por outro lado, há grandes expectativas de que os Blues passem da 3ª rodada da FA Cup por conta da fragilidade do rival que deve enfrentar. No entanto, a 4ª rodada tem previsão para acontecer também em fevereiro, mês em que diversas competições irão se misturar para o time de Londres. E talvez seja mais uma partida que precise ser reagendada.

'CASO BAYERN DE MUNIQUE'
Por conta da pandemia da Covid-19, o Mundial de Clubes de 2020, que tradicionalmente ocorria em dezembro de cada ano, teve que ser disputado em fevereiro de 2021. Na ocasião, o Bayern de Munique, representante da Uefa, também estava de olho em jogos da Champions League, mas também da Bundesliga.

No entanto, o sorteio das oitavas de final da Liga dos Campeões ocorreu no dia 14 de dezembro de 2020, onde o clube alemão soube que iria enfrentar a Lazio no dia 23 de fevereiro. Nove dias após este sorteio, a Fifa divulgou a tabela do Mundial de Clubes, onde o Bayern soube que jogaria nos dias 8 de fevereiro e 11 de fevereiro.

Neste ano, a tabela do Mundial de Clubes foi divulgada antes do sorteio das oitavas de final da Champions League. Ainda não há uma informação exata sobre um possível direcionamento para que o Chelsea atue apenas nos dias 23 e 23 de fevereiro de 2022 pela Liga dos Campeões para que o jogos de ambas as competições não ocorram em um intervalo de tempo muito curto.

TITULAR OU RESERVA?
​Sem uma definição e com a possibilidade do Chelsea entrar em campo pela Champions League três dias após uma possível decisão no Mundial é possível que Thomas Tuchel opte por colocar uma equipe reserva? Ainda não temos a resposta e nem o comandante alemão possui qualquer certeza sem que ainda o calendário esteja definido.

E mesmo com desfalques, como todo o mundo pôde observar no duelo diante da Juventus pela 5ª rodada da Champions League, os Blues são capazes de agredir. Os londrinos aplicaram um 4 a 0 sem dó e nem piedade sobre a Velha Senhora com a ausência de Romelu Lukaku e com outros grandes nomes, como Mason Mount e Azpilicueta iniciando o duelo no banco de reservas.

Além disso, a conquista do Mundial de Clubes representa a conquista de um título inédito para a galeria do Chelsea. E este troféu esteve próximo de ser conquistado em 2012, quando os ingleses chegaram na grande decisão, mas sofreram uma derrota para o Corinthians por 1 a 0.

*estagiário sob supervisão de Cayo Pereira