Logo Lance! Betting

Diniz brinca com a versatilidade de Martinelli no Fluminense: ‘Só não joga de goleiro’

Tricolor vence o Colo-Colo e conhece a primeira vitória na competição


Escrito por

Fernando Diniz elogiou a atuação de Martinelli como zagueiro. O técnico do Fluminense também fez pontuações sobre a vitória sobre o Colo-Colo. Esta foi a primeira do Tricolor nesta edição da Libertadores.

➡️ Tudo sobre o Tricolor agora no WhatsApp. Siga o nosso novo canal Lance! Fluminense

➡️ A boa do Lance! Betting: vamos dobrar seu primeiro depósito, até R$200! Basta abrir sua conta e tá na mão!

Fluminense x Colo-Colo
Diniz aprovou a atuação do Fluminense contra o Colo-Colo (Foto: Lucas Merçon/Fluminense F.C.)

Martinelli foi muito bem como zagueiro. Ele só não joga de goleiro comigo. Já jogou de atacante, de 10... Essa versatilidade dele é importante. Com ele, nós ganhamos mais ritmo na saída. Ganhamos mais agressividade. Então acho que funcionou. Isso não significa que ele vai jogar todos os jogos dessa forma. Obviamente a gente fica mais exposto

— brincou Diniz. E completou analisando a partida:

- Foi um jogo que o adversário soube valorizar a nossa vitória. Tínhamos treinado das duas formas, com eles subindo a marcação e marcando em bloco médio. Eles tentaram de tudo para dificultar as coisas para a gente. Fizemos um gol dentro das nossas características. Tivemos dificuldade de encaixar a marcação alta no começo do jogo. No primeiro lance de perigo deles, levamos o gol. Se isso não acontecesse, controlaríamos o ritmo da partida. No segundo tempo, fizemos o gol e tivemos outras chances para marcar. Poderíamos ter feito o terceiro, mas não fizemos e o jogo ficou perigoso.

Diniz também se mostrou chateado com a lesão de Lelê. O atacante sofreu uma entorse no joelho direito e será reavaliado pelo Fluminense.

- A nota triste foi a contusão do Lelê. As vezes, um jogador para jogar num time como o Fluminense, de massa, de torcida, ele leva tempo para se adaptar. Muito provavelmente ele vai ficar um tempo afastado - lamentou o técnico.

Fluminense x Colo-Colo
Diniz gostou da atuação do Fluminense diante do Colo-Colo (Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense F.C.)

🎙️ MAIS RESPOSTAS DE FERNANDO DINIZ:

TORCIDA DO FLUMINENSE
- O reencontro com a torcida foi maravilhoso. É muito bom jogador aqui no Maracanã. É importante que eles nos apoiem do início ao fim. É difícil ser campeão e mais ainda bicampeão. Tivemos uma melhora física muito grande. Na Data-Fifa, treinamos bastante. Fizemos ajustes com treino, com vídeo e estamos nos reencontrando em todas as frentes.

AGRESSIVIDADE DO ADVERSÁRIO
- Temos que nos preparar pelo Fluminense ser o atual campeão. O adversário joga de uma maneira mais agressiva. Da maneira positiva da palavra. Nos jogos do Colo-Colo, eles não jogaram como jogaram hoje. Mudaram a maneira de jogar, a formação, para tentar se ajustar ao nosso jeito de jogar. Existe uma fome natural de enfrentar o atual campeão. Temos que nos habituar com isso.

RETORNO DE CANO E GANSO
- É importante tê-los de volta. São jogadores que são peças fundamentais. Conhecem o nosso jeito de jogar. Ficam muito à vontade. É sempre muito bom pode contar com os dois. A qualidade técnica e característica de cada é exímia. Temos um dos maiores goleadores do mundo e um jogador que tem uma qualidade técnica que dispensa comentários.

MARQUINHOS
- É um jogador que eu subi ele no São Paulo. Ele teve uma lesão no ligamento cruzado e voltou a jogar só depois que saí de lá. Na Europa, não conseguiu ter uma sequência de jogos. Mas sempre teve um potencial muito grande. O que ele está fazendo não me surpreende. Para mim, o Fluminense é um lugar certeiro para ele. Ele jogou muito bem nesses dois jogos e contra o Flamengo.

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter