Gabriel Barros - Flamengo

Gabriel Barros é uma das joias do Flamengo (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Lucas Pessôa*
01/03/2021
18:45
Rio de Janeiro (RJ)

Com títulos e bons jogadores revelados nos últimos anos, o Flamengo se firmou como uma das melhores categorias de base do Brasil. Do mesmo local de onde saíram nomes como Vinicius Junior, Lucas Paquetá e Reinier - todos vendidos para a Europa -, surgiram também Hugo Souza, Natan e João Gomes, que foram importantes na conquista do Brasileirão 2020 pelo Rubro-Negro.

+ Dinastia sem fim: veja 20 motivos para acreditar que as glórias do Flamengo vão seguir por anos

Além desse grupo de jovens que tiveram chances na última temporada e já foram campeões como profissionais, há outra geração que se destacou nas categorias inferiores e agora terá chance aparecer no time de cima no início do Campeonato Carioca.

Abaixo, o LANCE! lista oito novas promessas do Flamengo que ainda não são muito conhecidas pela torcida e terão a missão de substituir os principais jogadores do elenco até a quarta rodada. O critério estabelecido foi mostrar nomes que não tenham atuado em mais de três jogos profissionalmente - por isso, atletas como Matheuzinho, Noga, Ramon, Lázaro e Rodrigo Muniz não foram listados.

VEJA A LISTA:

JOÃO FERNANDO
João Fernando Monteiro Siqueira
Goleiro
Idade: 20 anos (01/03/2001)

João Fernando - Flamengo
João Fernando em ação pelo Fla (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Desde 2009 no Flamengo, João Fernando aproveitou as chances que teve na última temporada e se firmou como titular da equipe sub-20. Eleito o melhor goleiro da primeira fase do Brasileirão da categoria, o jovem de 1,87m se destaca pela habilidade para jogar com os pés, pela agilidade debaixo das traves e por ser "pegador de pênaltis". Como está em fase final de recuperação de uma lesão na coxa, será desfalque na estreia.

+ Destaque na base do Fla, João Fernando revela inspiração em Júlio César e mira estreia no profissional

DANIEL CABRAL
Daniel Cabral de Oliveira
Volante
Idade: 18 anos (14/05/2002)

Daniel Cabral
Daniel Cabral atuou 23 minutos como profissional (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Ao lado de Lázaro, Daniel também esteve no elenco da Seleção Brasileira campeã mundial sub-17 em 2019. O volante começou no futsal do Flamengo e foi ganhando espaço progressivamente nas demais categorias no campo. Tratado como uma das principais joias da base, teve um processo de renovação de contrato turbulento em 2020 e passou meses sem atuar. Por isso, recebeu apenas uma chance como profissional, quando entrou no segundo tempo do jogo contra o Athletico-PR pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

RICHARD RÍOS
Richard Ríos Montoya
Volante
Idade: 20 anos (02/06/2000)

Richard - Flamengo sub-20
Richard chegou ao Fla em 2019 (Foto: Marcelo Cortes / CRF)

Richard Ríos é um caso, no mínimo, curioso. O jovem se destacou na seleção colombiana de futsal e foi contratado pelo Flamengo no meio de 2019 para atuar no campo. Após iniciar como meia, ele se tornou volante e também já jogou como lateral-direito em algumas oportunidades.

Em 2020, disputou três partidas como profissional: contra Vasco e Fluminense, pelo Carioca, e Palmeiras, pelo Brasileirão. Como não tem mais idade para atuar no Sub-20, o colombiano será incorporado ao elenco profissional para o resto da temporada.

YURI
Yuri de Oliveira
Meia
Idade: 20 anos (02/02/2001)

Zico e Yuri Oliveira - Flamengo
Yuri participou de evento com Zico (Foto: Lucas Merçon)

Com passagens pela Seleção Brasileira e uma multa rescisória de 45 milhões de euros, Yuri é tratado como joia do Flamengo desde os tempos de sub-15. O meia foi um dos destaques da equipe sub-20 na última temporada e estreou como profissional ao entrar no fim da partida contra o Palmeiras, pelo Brasileirão. Ele se destaca principalmente pela batida na bola, podendo ser inclusive, uma boa arma para acabar com o jejum do Flamengo de quase três anos sem nenhum gol de falta.

MAX
Max Alves da Silva
Meia
Idade: 19 anos (12/05/2001)

Max - Flamengo
Max comemora gol pelo sub-20 (Foto: Paula Reis/Flamengo)

Após se destacar na Copinha 2020 pelo Tupi-MG, Max foi contratado pelo Flamengo e não demorou para se adaptar ao novo clube. Aos poucos, ele conquistou o espaço no time titular, terminou a temporada como camisa 10 da equipe sub-20 e, de quebra, renovou o vínculo com o Rubro-Negro até o fim de 2023. Canhoto, o meia se destaca pela habilidade e batida na bola. No clássico contra o Vasco, pelo Brasileiro Sub-20, ele chegou a marcar um gol olímpico.

THIAGUINHO
Thiago Fernandes Rodrigues
Atacante
Idade: 19 anos (13/03/2001)

Flamengo x Botafogo - Sub-20 (Thiaguinho)
Thiaguinho em ação pelo sub-20 do Fla (Foto: Gilvan de Souza/CRF)

O ano de 2020 foi intenso para Thiaguinho. Após se destacar no título da Série C do Náutico, o atacante foi contratado pelo Flamengo em dezembro de 2019, aos 18 anos. Cinco meses depois, voltou ao Timbu por empréstimo, mas não conseguiu repetir a boa sequência e voltou ao Rubro-Negro em novembro para atuar na equipe sub-20. Na reta final da temporada, contribuiu com gols e assistências, sendo um dos nomes mais importantes do time.

GABRIEL BARROS
Gabriel de Sousa Barros
Atacante
Idade: 19 anos (25/10/2001)

Gabriel Barros - Flamengo
Gabriel em treino no Ninho do Urubu (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Após se destacar na base e no profissional do Ituano, Gabriel Barros chegou ao Flamengo em outubro de 2020 por empréstimo de um ano e com opção de compra. Apesar do pouco tempo no clube, o atacante já provou ter qualidade e marcou quatro gols em 13 partidas disputados no Brasileirão Sub-20. Nas quartas de final, contra o Fluminense, foi dele o gol salvador que levou o jogo para a decisão por pênaltis.

MATEUSÃO
Mateus Dias Lima
Atacante
Idade: 16 anos (23/04/2004)

Mateusão - Flamengo Sub-20
Mateus Lima comemora gol pelo sub-20 (Foto: Marcelo Cortes/CRF)

É o caçula da lista que iniciará o Carioca. Revelado pelo América-MG, Mateusão foi contratado pelo Flamengo em abril de 2019, ainda para reforçar a equipe sub-15. Com 1,84m de altura e um bom porte físico, é o típico centroavante de área e coleciona convocações para a seleção brasileira sub-15 e sub-17. Na última temporada, disputou 13 jogos pelo sub-20 e marcou cinco gols. O contrato atual é até abril de 2025 e inclui uma multa rescisória de 50 milhões de euros.