Renato Gaúcho e Alexandre Mendes - Flamengo

Renato Gaúcho terá primeira semana livre no Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Lucas Pessôa
03/08/2021
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Os 100% de aproveitamento de Renato Gaúcho no Flamengo impressionam por si só. Mas, ao levar em consideração que o técnico não teve nenhuma semana livre de treinamentos, o início de trabalho se torna ainda mais notável. Após seis vitórias em 21 dias, o treinador e o grupo principal do Rubro-Negro se reapresentam nesta terça-feira para a primeira preparação sem compromissos no meio da semana.

+ Flamengo dá novo passo na busca pela contratação de Thiago Mendes

Essa "semana sem jogos", no entanto, só foi possível graças à goleada de 6 a 0 sobre o ABC, na última quinta-feira, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Com a classificação encaminhada, Renato solicitou à diretoria para ficar no Rio de Janeiro e mandar o auxiliar Alexandre Mendes para comandar a equipe no jogo de volta, em Natal, nesta quinta-feira.

A ideia do treinador é poupar os principais jogadores do elenco da viagem e aproveitar os dias a mais de treino no Ninho do Urubu para trabalhar a equipe em diferentes aspectos. O foco será os jogos seguintes da temporada, como o duelo contra o Inter, pelo Brasileiro, e os jogos contra o Olimpia, pelas quartas de final da Libertadores.

+ Confira cinco jogadores que podem engrenar contra o ABC e ampliar o leque de Renato Gaúcho no Flamengo

Corinthians x Flamengo - Comemoração Fla
Renato tem 100% de aproveitamento (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Abaixo, o LANCE! explica como Renato Gaúcho pode aproveitar a semana livre:

INTENSIVO TÁTICO


Apesar da intensa maratona de jogos, já é possível ver influências de Renato no estilo de jogo do Flamengo - como as movimentações no campo de ataque e o jogo apoiado, por exemplo. De acordo com o próprio treinador, as formas encontradas para 'driblar' o problema da falta de treinos e passar suas ideias aos jogadores foram as conversas e os vídeos.

Um dos principais objetivos da semana, portanto, será aproveitar os cinco dias seguidos de trabalho no Ninho do Urubu para aprofundar os conceitos táticos com atividades dentro de campo.

+ Fla na cola do G-4: veja a tabela completa do Brasileirão

BOLAS PARADAS DEFENSIVAS

Um dos pontos de atenção de Renato na semana deve ser justamente as bolas paradas defensivas. Após dois anos de marcação por zona - com Jesus, Dome e Ceni -, o Flamengo voltou a marcar de forma individual nos escanteios com o novo treinador. Nos seis jogos, a equipe mostrou evolução no quesito, mas ainda não está 100% acostumada com a mudança. Os gols sofridos contra São Paulo e Corinthians originaram justamente de cobranças de escanteio.

Rodrigo Caio - Flamengo
Rodrigo Caio pode voltar no fim de semana (Foto: Divulgação/Flamengo)

RECUPERAR FORMA FÍSICA

Outra prioridade será na recuperação física de atletas titulares que vêm de grandes sequências de jogos. São os casos de Diego Alves (9), Arrascaeta (8), Everton Ribeiro (7) e Gabigol (6). Assim como fez no início de junho, a equipe de preparadores físicos pode aproveitar o período sem partidas para aumentar o nível de cobrança nos treinos de força - de olho no ganho de intensidade para os próximos compromissos.

O caso de Rodrigo Caio também será tratado com atenção. Fora das duas últimas partidas, o zagueiro seguirá em trabalho de reequilíbrio biomecânico e muscular para evitar novas lesões na reta final da temporada. Se avançar na recuperação, ele pode ser uma importante novidade para o confronto com o Inter, no fim de semana.

+ Flamengo terá direito a valor milionário em venda de Jean Lucas na França

VARIAÇÕES E TESTES NO ELENCO

Por fim, a semana livre de treinos poderá ser usada para Renato Gaúcho testar variações táticas de olho em possíveis situações na temporada. Um exemplo é a formação com três zagueiros, que foi utilizada pelo treinador nos minutos finais da partida de estreia contra o Defensa y Justicia. Outra possibilidade será fazer testes em posições sem titulares absolutos. Na lateral-direita, por exemplo, Isla e Matheuzinho vêm de boas atuações e disputam a posição.