Moreno ainda não havia marcado gol desde a sua volta ao Cruzeiro, em 2020

Moreno ainda não havia marcado gol desde a sua volta ao Cruzeiro, em 2020-(Bruno Haddad/Cruzeiro)

Valinor Conteúdo
12/08/2020
18:58
Belo Horizonte

Marcelo Moreno ainda não havia marcado gol desde que voltou ao Cruzeiro, em março deste ano. O camisa 9 da Raposa saiu do jejum, desencantou e ajudou o time celeste na vitória por 3 a 2 sobre o Guarani-SP, pela segunda rodada da Série B.

Moreno cobrou o pênalti sofrido por Maurício, ainda no primeiro tempo contra o Bugre, virando o duelo de de Campinas a favor da equipe celeste. Com o tento marcado, o atacante boliviano, de 33 anos, chegou a 46 gols em 101 jogos com a camisa estrelada e está apenas a quatro gols do maior artilheiro estrangeiro do clube, o uruguaio Arrascaeta, que anotou 50 gols em sua passagem.

Marcelo Moreno teve outro bom dado no duelo contra o Guarani-SP: deu a assistência para o gol de Régis, que empatou o jogo no Brinco de Ouro da Princesa.

-Eu sempre trabalho para o time. O meu papel sempre é tentar ganhar com o grupo, e essa minha volta se deu justamente por querer construir uma nova história nesse momento difícil do clube. O gol, obviamente, é importantíssimo, mas o mais importante, neste momento, são as vitórias-disse.

A volta do artilheiro balançando as redes será importante nesta fase da Raposa, que ainda tenta se acertar em campo e conseguir o seu maior objetivo: retornar à elite do futebol brasileiro.