Cruzeiro x America

O Cruzeiro fez um grande clássico diante do América-MG , marcando 3 a 0 no Coelho- Bruno Haddad/Cruzeiro

Valinor Conteúdo
07/04/2019
16:27
Belo Horizonte

Depois da grande vitória no clássico diante do América-MG, por 3 a 0, os jogadores da Raposa ainda repercutem o bom resultado e a classificação para a final do Campeonato Mineiro. O lateral Edilson, que ontem fez mais uma grande partida, falou sobre a satisfação de se jogar grandes jogos e também sobre a linda jogada do segundo gol, onde ele tomou a bola do adversário e fez um lindo cruzamento para o artilheiro Fred completar para o gol.

-Em jogos grandes, a gente sempre costuma dar o melhor e estar muito concentrado para que a gente possa decidir as partidas. Pude ajudar com um bom passe no primeiro tempo. Agora, é descansar, porque está muito corrido”, declarou
-Prezo por isso, para estar em decisões. É para isso que todo jogador do Cruzeiro foi contratado, para que a gente esteja no máximo de decisões possíveis e jogando bem. Isso é importante. A equipe está de parabéns por isso- complementou.

Egídio, que também mostrou muita segurança na defesa, fez questão de parabenizar a torcida que foi em grande número ao Mineirão. O atleta frisou que é preciso descansar já que nesta semana terão mais compromissos decisivos.

-Mais uma vez dentro de casa provando, mais de 50 mil pessoas na “Toca 3”, tanto o time quanto a torcida estão de parabéns, agora é esperar quem vamos enfrentar na final e descansar, porque quarta-feira tem mais um jogo decisivo na Libertadores- disse o lateral.

Já Dedé, outro guerreiro em campo, enalteceu o papel de todo elenco. Para o zagueiro, todos os jogadores estão de parabéns pois compreenderam que o grupo é muito importante para as conquistas que o Clube almeja nessa temporada.

-Temos que enaltecer a partida que fizemos hoje. Fizemos um jogo muito bom, soubemos dosar. O segundo tempo foi um jogo mais seguro, para o América-MG avançar e abrir um pouco para os contra ataques e deu certo, então é elogiar a postura de todos os jogadores. Um sai, outro entra, e faz exatamente a função que o professor pede. Temos um elenco muito forte e os jogadores abraçando a causa de que todos são importantes- concluiu.