Dedé foi muito elogioso ao time do Cruzeiro e reforçou a união do grupo estrelado

Dedé quer "esquecer" a Libertadores e focar nas demais competições- (Reprodução)

Valinor Conteúdo
31/07/2019
17:22
Belo Horizonte

Depois da eliminação diante do River Plate, nos pênaltis, nas oitavas de final da Copa Conmebol Libertadores, o zagueiro Dedé recomendou que o elenco celeste e a própria torcida virem a página da competição continental, pois há ainda muitas disputas importantes em jogo para o Cruzeiro nesta temporada.

Semifinalista da Copa do Brasil, na qual enfrentará o Internacional já na próxima semana, o time celeste também precisa focar em sua recuperação no Campeonato Brasileiro, já que neste domingo tem mais um clássico contra o Atlético-MG, no estádio Independência.

-Jogo importante pra gente, para uma retomada também. Contra o River foi um jogo que nos deixa chateado, pela forma que foi o jogo, a forma que fomos derrotados. Temos que virar a página, esquecer a lamentação e correr atrás dos nossos objetivos. No Brasileiro precisamos muito somar, então o jogo do Atlético vai ser muito importante- alertou Dedé.

Ainda com o time envolvido em uma maratona pesada de jogos, o técnico Mano Menezes começou os trabalhos visando o clássico local na tarde desta quarta-feira. Dedé se colocou à disposição do treinador para o jogo de domingo, mas deixou na mão da comissão técnica seu aproveitamento ou não contra o Atlético-MG, já que na quarta-feira acontece o primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil.

-Eu deixo para o treinador, para a fisiologia avaliar quais são as condições melhores para jogar. Eu me sinto bem hoje, mas ainda não passei pela fisiologia. Mas é importante frisar que precisamos fazer um bom jogo contra o Atlético, independente de quem for jogar. É passar confiança para quem for para o jogo. Creio que até pelo peso da partida, o treinador vai pensar no melhor time. Contra o Inter também é uma semifinal. Não sei qual vai ser o posicionamento. Friso que estou sempre à disposição. Tenho a confiança e entendo a cabeça do Mano, porque ele é um cara muito inteligente e vai saber o que fazer- ponderou Dedé.

O camisa 26 tem sido um dos destaques da equipe nesta retomada pós-parada da Copa América. O zagueiro creditou seu bom momento a diversos fatores, entre eles, a ajuda dos companheiros.

-Não sou muito de analisar momentos, não por mim. Mas o time me ajudou muito a evoluir. Estou me sentindo melhor, acho que evoluí bastante, mas graças aos companheiros, à visão do treinador, e a forma que nosso time parou para pensar mais na gente. Isso fez com que nosso time jogasse mais junto, nos dá mais confiança. No futebol, acho que a confiança é que faz a diferença- destacou.

O Cruzeiro enfrentará o Atlético-MG na condição de visitante no domingo, às 19h, no estádio Independência, pelo Brasileirão. Já na quarta-feira, 7 de agosto, o compromisso será contra o Internacional, no jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil. A partida será disputada no Mineirão, às 21h30.