aLEX

Alex mostrou toda sua habilidade e faro de gol no jogo festivo- Vinnicius Silva/Cruzeiro

Valinor Conteúdo
25/11/2018
18:06
Belo Horizonte

Um grande amistoso entre o time do Cruzeiro de 2003 e a equipe do Cruzeiro Masters foi disputado na tarde deste domingo, no Mineirão. O evento serviu para celebrar os 15 anos da conquista da Tríplice Coroa, quando a Raposa venceu o Campeonato Mineiro, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro, feito esse que jamais algum time brasileiro teve a competência de repetir.
No time de 2003 podemos ver a presença dos Titulares: Gatti, Maurinho, Cris, Batatais, Leandro, Maldonado, Augusto Recife, Wendel, Alex, Aristizábal e Marcelo Ramos.

Os suplentes foram: Gleison, Gladstone, Alex Dias, Maicon, Jardel, Diego Clementino, Irineu, Ruy, Sandro e ThiagoJá na equipe Masters do Clube, grandes ídolos estiveram presentes e foram escalados assim: Paulo César Borges, Cléber Monteiro, Reginaldo, Célio Lúcio, Elivelton, Djair, Leandro Guerreiro, Cleison, Ricardinho, Palhinha, Geovanni.

Os Suplentes: Gleison, Victor, Nonato, Fabio Junior, Da Silva, Donizete Amorim e Walter Minhoca. Os gols do confronto, vencido pelo time mágico de 2003 por 2 a 1, foram marcados por Diego Clementino e um golaço do Talento Azul Alex, Celio Lúcio descontou para a equipe do Cruzeiro Masters.

Além do espetáculo do futebol, os torcedores que estavam presentes puderam ver o ex-jogador do Palestra Itália Nogueirinha, ao lado de Dirceu Lopes, o Príncipe, darem o pontapé inicial da partida festiva.

Após o jogo, os jogadores receberam as faixas simbolizando a conquista da Tríplice Coroa, e ergueram os troféus correspondentes ao Campeonato Mineiro, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro de 2003.

O placar de 2 a 1 para o time da Tríplice Coroa definiu a partida, mas quem venceu na tarde deste domingo foi o torcedor celeste que compareceu ao Gigante da Pampulha e pode ver de perto essas feras que passaram pelo Clube e cravaram seu nomes em uma das conquistas mais emblemáticas do futebol brasileiro.