Tiago Nunes - Treino Corinthians

Tiago Nunes pode ter mais uma baixa titular confirmada nos próximos dias (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Alexandre Guariglia
19/07/2020
08:00
São Paulo (SP)

De uma semana para a outra o técnico Tiago Nunes sofreu abalos significativos na escalação do Corinthians para o clássico contra o Palmeiras, na próxima quarta-feira, na Arena. A possível perda mais recente é a do zagueiro Pedro Henrique, negociado com o Athletico-PR. Além dele, Cantillo, com Covid-19, e Yony González, devolvido ao Benfica-POR, já são baixas confirmadas no time.

Na volta ao trabalho após a paralisação, contando com elenco completo, a equipe ideal na cabeça do treinador seria mais ou menos a seguinte: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Gil e Sidcley; Camacho, Cantillo, Ramiro e Luan; Yony González e Boselli (Jô). Havia a possibilidade de uma variação sem Ramiro como titular e a entrada de Everaldo para atuar pelo lado direito do ataque.

De lá para esse esboço já não é mais possível de ser utilizado, uma vez que pelo menos dois jogadores já não estão mais disponíveis para Tiago. O primeiro a ser baixa foi o volante Cantillo, diagnosticado com coronavírus e afastado dos treinos desde o dia 10 de julho. Ele retornar apenas no fim do mês. A segunda saída foi a de Yony González, devolvido ao Benfica-POR após o término do empréstimo, já que por cláusula contratual não havia a obrigação de compra.

Tanto o meio-campista quanto o atacante seriam nomes praticamente certos na cabeça de Tiago Nunes para o Dérbi, Cantillo é titular absoluto desde sua chegada, já Yony não teve um bom começo, mas era uma aposta do comandante para esta retomada. Apesar de o setor de meio-campo ter muitas opções para reposição, nenhum tem o estilo do camisa 24. Enquanto a função de um homem de velocidade pelos lados é uma carência antiga no elenco.

Como se não bastassem essas duas baixas sentidas, há uma grande possibilidade de ter outra perda nos próximos dias. Isso porque o zagueiro Pedro Henrique tem negociação encaminhada para defender o Athletico-PR, mas a oficialização da transferência ainda depende do aval da CBF e da Fifa, se esse obstáculo for superado, ele será jogador do Furacão e deixará o Timão.

A iminente venda de Pedro é mais um golpe forte no esquema de Tiago Nunes. Titular desde o começo da temporada e com atuações de destaque ao lado de Gil, o camisa 34 se firmou no setor e seria presença certa no clássico de quarta-feira. Seus reservas Danilo Avelar e Léo Santos, estão voltando de lesão e não atuam desde o ano passado, já Bruno Méndez tem apenas dois jogos em 2020.

Além disso, Jô não sabe se poderá ser inscrito no Campeonato Paulista, pois ainda aguarda a abertura da janela de transferências na próxima segunda-feira e o envio da documentação por parte do Nagoya Grampus-JAP, do qual ele saiu em litígio e teve o contrato rescindido por justa causa. Há o temor de que os japoneses não facilitem a liberação dos documentos por conta do imbróglio.

Sendo assim, o time titular que tem mais chances de entrar em campo na próxima quarta-feira, às 21h30, contra o rival é: Cássio; Fagner, Bruno Méndez, Gil e Sidcley; Gabriel, Camacho, Ramiro e Luan; Everaldo e Boselli. Para ter vaga nas quartas de final do Paulistão, o Corinthians precisa vencer as duas últimas partidas da fase de grupos e torcer para o Guarani não pontuar nas dele.