Pedrinho Corinthians

Pedrinho em ação pelo Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

LANCE!
28/10/2018
17:27
São Paulo (SP)

Sem Jadson, que recupera-se de um edema na panturrilha direita, Pedrinho teve nova chance atuando centralizado no meio de campo do Corinthians na vitória por 2 a 1 sobre o Bahia. O jovem atuava desta maneira na base, mas desde que subiu ao profissional vem tendo mais chances pelas pontas.

- É uma posição que atuei na base inteira, onde eu era acostumado a jogar. Desde que subi para o profissional não fui mais utilizado ali, só uma vez com o Jair, ia acabar perdendo essa essência. É uma posição onde me sinto livre para fazer jogadas, onde me sinto melhor. Mas onde o professor Jair optar eu vou tentar fazer o meu melhor - afirmou Pedrinho.

- Creio que, coletivamente, pude fazer uma grande partida, ajudei na marcação. Muitas vezes a torcida quer ver o drible, a genialidade, mas a simplicidade acaba colaborando com a equipe - acrescentou.


Questionado sobre a falta de Jadson, o técnico Jair Ventura disse ser injusto fazer qualquer tipo de comparação com o camisa 10. O meia continua em tratamento e não tem presença garantida para o jogo contra o Botafogo, no próximo domingo.

- Seria uma injustiça a gente comparar qualquer jogador ao Jadson. Decisivo, maior número de gols, de assistências, mas mostra a força do grupo. Sem esse 10 clássico, ele é esse cara, nós colocamos o Pedrinho numa função que ele vinha fazendo na base. Claro que são características diferentes, ele não é do último passe. Mas isso mostra que mesmo sem um excelente jogador como o Jadson, o grupo conseguiu vencer. Torcemos para ele recuperar e voltar contra o Botafogo - disse Jair.