Corinthians x Bahia

Danilo marcou os dois gols da vitória do Corinthians sobre o Bahia, neste sábado (Foto: Marco Galvão/Fotoarena)

LANCE!
27/10/2018
23:13
São Paulo (SP)

Sem dúvidas o personagem da noite na Arena foi Danilo, que decidiu a vitória por 2 a 1 sobre o Bahia, neste sábado. O meia-atacante foi aposta do técnico Jair Ventura para entrar após o intervalo, marcou dois gols e cometeu pênalti que quase colocou a perder o triunfo importante para os objetivos do time no campeonato. Diante desse cenário, ele também projetou seu futuro no clube.

Como se não bastasse essa atuação decisiva, Danilo voltou a marcar um gol após mais de dois anos de jejum. A última vez que balançou a rede foi no dia 23 de julho de 2016, contra o Figueirense, na própria Arena. Durante esse período, o experiente corintiano precisou superar uma lesão que quase encerrou sua carreira.

- É um dia muito feliz para mim, venho desde o início do ano treinando para jogar, joguei pouco, então a gente fica louco para estar dentro de campo, até brinco com os meus companheiros, sou um jogador que sempre joguei muito, em todas as equipes que eu passei, e neste ano joguei muito pouco. Isso às vezes incomoda bastante, mas eu nunca deixei de trabalhar. Acho que o futebol é dessa forma, a gente tem que respeitar as decisões do treinador e aguardar as oportunidades. Hoje apareceu, venho entrando dez, 15 minutos, hoje foi 45 e tive mais tempo para aproveitar, então estou muito feliz - declarou o atleta na saída do gramado.

Se em 2018 Danilo não teve tantas oportunidades como gostaria, engana-se quem pensa que ele desanimou para continuar jogando no ano que vem. Isso porque ele diz estar empolgado e bem fisicamente para continuar atuando na próxima temporada, seja no Corinthians ou não, já que seu contrato com o clube se encerra em dezembro.

- Fiquei dois anos parado por causa da lesão, então já está definido que eu vou jogar no ano que vem ainda, quero terminar com 40 anos jogando, hoje me sinto muito bem, acho que pegando ritmo de jogo a gente aguenta muito mais. Se eu fosse escolher, queria encerrar minha carreira aqui, nove anos, me sinto em casa, me sinto feliz, gosto de todo mundo, mas as coisas não depende de mim, então vou jogar no ano que vem ainda e espero que seja aqui - comentou antes de completar:

- Acho que se não acontecer de ficar aqui, agradeço por tudo o que fiz, futebol é dessa forma, tem que levantar a cabeça e continuar trabalhando. Não depende só de mim, depende do clube, de outros fatores. Acho que as coisas acontecem naturalmente, estou focado em terminar o ano bem. A vida segue, o clube fica e a gente passa. Ainda não conversei com a diretoria.

O Corinthians volta a campo no próximo domingo, às 17h, para enfrentar o Botafogo, no Nilton Santos. A partida é válida pela 32ª Rodada do Brasileirão-2018.