LANCE!
13/10/2018
22:27
São Paulo (SP)

A poucos dias da final da Copa do Brasil, diante do Cruzeiro, o Corinthians entrou em campo para enfrentar o Santos, no Pacaembu, pelo Brasileirão, com um time alternativo mirando o afastamento do Z4, porém uma derrota por 1 a 0 no clássico foi o máximo que o time conseguiu fazer, e mais uma vez, não conseguiu balançar a rede do adversário.

No entanto, o técnico Jair Ventura, em coletiva após o duelo deste sábado, minimizou a possibilidade de rebaixamento no campeonato e optou por dar prioridade ao próximo jogo, contra a Raposa, e depois voltar a pensar no Brasileiro.

- Desde que me tornei treinador, quando assumi o Botafogo. Peguei o time em 17º e deixei em 5º. Vamos pensar no jogo a jogo. O próximo é o Cruzeiro. Depois, pensamos nos outros - afirmou o comandante.

Para Jair, os jogadores têm noção de que a derrota não foi boa para as pretensões do clube na competição, mas ao mesmo tempo sabe que depende apenas deles mesmos para tirar o Timão dessa situação incômoda.

- Uma noite de derrota sempre é para ser esquecida. É um preço que você corre quando entra com uma equipe alternativa. Na quarta-feira, estaremos disputando uma final. Todos nós estamos incomodados. Não estamos satisfeitos só porque estamos em uma final, mas só nós podemos tirar o Corinthians dessa situação - declarou.

Sobre a escalação de um time quase todo reservar, o treinador não mostrou arrependimento após o resultado negativo. Para ele é uma consequência de um clube que, no momento, está em busca de objetivos maiores na Copa do Brasil, estando a apenas um jogo da possibilidade de ser campeão.

- Você não tem como fazer diferente. Quando a gente ligar a televisão na quarta-feira, só terão duas equipes competindo. E uma delas é o Corinthians. É claro que eu gostaria de ter um equilíbrio, mas nem equipes com grande investimento conseguem estar bem em todas as frentes e nós estamos em uma. No Corinthians, a gente tem que buscar todas as competições. Quando você entra com o time alternativo você está sujeito a algumas coisas - concluiu.

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, às 21h45, para enfrentar o Cruzeiro, na Arena, pela partida de volta da decisão da Copa do Brasil. Com uma vitória por dois ou mais gols de diferença, o Timão levanta a taça. Se vencer por um gol de diferença, os corintianos levam o jogo para os pênaltis. Em caso de empate ou derrota, o título fica com a Raposa.