Fábio Lázaro
28/11/2021
18:07
São Paulo (SP)

Não foi bom, mas deu para o gasto. Na tarde deste domingo (28), na Neo Química Arena, o Corinthians venceu o Athletico-PR, por 1 a 0, e se manteve no G4 do Campeonato Brasileiro

A partida foi pouco movimentada, com raros momentos de perigo entre as duas equipes, e o único gol do jogo foi marcado pelo lateral-esquerdo Fábio Santos, aos 19 minutos do primeiro tempo, em cobrança de pênalti marcado após toque de braço do lateral Marcinho, do Furacão, dentro da área corintiana. 

CORINTHIANS PRESSIONA MAS NÃO CRIA

O Corinthians terminou o primeiro tempo com 72% de posse de bola, mas chegou a ter mais de 80 durante um período da etapa inicial. Ainda assim, o Timão criou poucas chances claras de gols e teve bastante dificuldade em entrar na área do Athletico-PR. 

O garoto Du Queiroz foi o destaque dos 45 minutos iniciais por conta da aplicação, tanto nas tomadas de bola, quanto na leitura das jogadas e auxílio na construção ofensiva corintiana. 

FURACÃO JOGA NO CONTRA-ATAQUE

O Furacão, por sua vez, deu campo para o Corinthians e buscou jogar no erro do adversário, sendo mais efetivo, no que diz a respeito a finalizações ao gol, quando partia para a área.

Corinthians 1 x 0 Athltico-PR - Fábio Santos
Timão venceu em casa (Foto: Reprodução/Twitter Corinthians)

JÔ ACERTA A TRAVE

Aos 33 minutos do primeiro tempo, ums das poucas chances criadas pelo Corinthians, com Renato Augusto recebendo a bola de frente para a área, na faixa central, e dando um passe açucarado para Jô, livre entre dois zagueiros athleticanos, jogar na frente e encher o pé na entrada da grande área. A bola caprichosamente bateu no pé da trave esquerda do goleiro Santos, que ficou parado no centro do gol. 

WILLIAN ENTRA NO INTERVALO 

Ainda sem condições de atuar 90 minutos, Willian iniciou a partida no banco de reservas, como havia acontecido no meio de semana, contra o Ceará, no lugar do garoto Gabriel Pereira. 

FÁBIO PÊNALTI SANTOS

O Timão ainda não havia finalizado na etapa final, quando aos 19 minutos do segundo tempo em uma trama entre Renato Augusto e Róger Guedes o meia cruzou rasteiro e o lateral Marcinho, do Furacão, deu um carrinho com o braço aberto. O pênalti foi marcado e convertido por Fábio Santos, que esperou a caída do goleiro Santos para o lado esquerdo e encheu o pé no centro do gol. 

Fábio chegou ao seu 19º pênalti convertido pelo Corinthians, somando as duas passagens, em 20 cobrados. 

CORINTHIANS SE ANIMA APÓS O GOL 

Diferentemente do que vinha fazendo durante toda a partida, o Corinthians, após o tento de Fábio Santos, passou a partir com mais velocidade para o campo ofensivo. Com troca de passes rápidos, não chegou a criar chances efetivas, mas chegou a área com boas tramas pela linha de fundo que eram travadas pela defensiva athleticana ou interceptada pelo próprio goleiro Santos nas saídas do gol. 

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 x 0 ATHLETICO-PR
Local:
Neo Química Arena, São Paulo (SP)
Data e Hora: 28 de novembro de 2021, às 16h
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Árbitro de Vídeo: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Público e renda: 37.492 (público) / R$ 2.017.11 (renda bruta)
Cartões amarelos: João Victor, Gil e Gabriel (Corinthians); Thiago Heleno, Terans e Christian (Athletico-PR)
Cartões vermelhos:
Gol: 1-0 Fábio Santos (19'/2T)

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Gabriel (Xavier, 36'/2T), Du Queiroz (Roni, 44'/2T) e Renato Augusto; Gabriel Pereira (Willian, intervalo), Jô (Gustavo Mosquito, 36'/2T) e Róger Guedes. Técnico: Sylvinho

ATHLETICO-PR
Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolás Hernández (Nicolas, 29'/2T); Marcinho, Léo Cittadini (David Terans, 18'/2T), Erick (Fernando Canesin, 35'/2T) e Abner Vinicius; Nikão, Pedro Rocha (Jader, 35'/2T) e Christian. Técnico: Alberto Valentim

Clique aqui e ganhe R$50 para jogar no Galera.bet